quinta-feira, 31 de julho de 2008

Sopro...



Senhor, que eu reconheça em cada folha que cai, o teu olhar atento....
Em cada lágrima derramada Senhor, que eu possa perceber a tua mão, colhendo a cada gota, como as rosas colhem o orvalho...
Que nas noites escuras desta vida eu sinta,
Escute a tua voz a me dizer:
“Coragem! Estou contigo...”

Sentir tua presença a me cuidar, a me curar,
A cada vez em que a dor de tão forte, ameaçar me dobrar...
Sentir que me cobres com teu manto de amor, afastando o frio,
A tristeza, a solidão!
Me libertando,
Me curando...
Cuidando de mim!

Ouvir a Tua voz a me dizer:
“Sopro em ti minhas bênçãos...
Sopro em ti minha vida...
Recebe minhas bênçãos...”

Ouvir a tempestade lá fora...
Mas escutar somente a tua voz...
A me chamar...A me guiar!
Ir ao teu encontro! Te buscar!
Segura minhas mãos, Senhor!Não me deixas afundar!
Tu me conheces pelo nome...Me criastes...
Sou teu...

Ouvir a Tua voz a me dizer:
“Sopro em ti minhas bênçãos...
Sopro em ti minha vida...
Recebe minhas bênçãos...”

Me resgatastes do meio do mar...
Na tempestade foste meu abrigo...
Me envolveste com o teu amor...
Senhor!
Segura minhas mãos, Senhor!
Tu me conheces pelo nome...Me criastes...
Sou teu...

Ouvir a Tua voz a me dizer:
“Sopro em ti minhas bênçãos...
Sopro em ti minha vida...
Recebe minhas bênçãos...”

Zena Navarro
06/06/2007

Amar a minha pequenez e a minha pobreza


Deus faz quando assumimos que somos pequenos e pobres

Deus faz as grandes coisas por meio dos pequenos. É para o pequeno e o humilde que Ele manifesta a Sua glória. Para os orgulhosos é difícil acolher a própria pequenez e assumir que são pequenos. Por isso, assuma-se e ame-se.

Somos apenas uma “poeirinha”, mas Deus volve o olhar d’Ele para nós.

O que agrada a Deus, o que dá liberdade para Ele agir, é, primeiro: quando admitimos que somos pequenos, pobres e humildes; segundo: quando aceitamos e assumimos que somos pequenos. Maria nunca quis ser grande, por isso o Senhor olhou para Ela.

Meus irmãos, quem era João XXIII? Ele só queria ser um pároco da Igreja, viver uma vida de simplicidade, pois sabia que era pequeno. Mas Deus pôs Seus olhos nele e ele foi eleito Papa e, como a Santíssima Virgem Maria, deu o seu “sim”. E quantas maravilhas Deus fez por intermédio dele, que foi chamado de "O Papa bom", porque sabia que era pequeno e também sabia que tudo era por inspiração de Deus.

Deus pode fazer coisas grandiosas nas pessoas que assumem seu nada.

Lembro que no início de meu sacerdócio, no começo de janeiro, Dom Antônio Afonso de Miranda me chamou e disse "Esse documento [Evangelii Nuntiandi] é muito sério, precisamos colocá-lo em ação; comece como os jovens".

Eu vi inspiração nas palavras de Dom Antônio, mas ele não parou por aí. E foi me falando que "os batizados não são evangelizados. Faça alguma coisa!"


Ouça essa palestra na íntegra

Eu me senti pequeno diante de algo tão grande. Comecei com os jovens através dos encontros com os Catecumenatos. Mais tarde os desafiei a darem um ano de suas vidas a Deus.

Doze jovens começaram comigo a experiência de largar tudo para ser só de Deus e evangelizar. Mas, alguém que estava sentada em sua cadeira disse que era algo muito sério, pois não seria só um ano, mas daria sua vida toda ao Senhor. A única dos doze, que começaram comigo, que ficou até hoje foi a Luzia. É uma história de duas pessoas que tiveram a graça de, assim como Maria, assumir o seu nada.

Lembro que a Luzia, quando se confessou comigo, só chorava mais que se confessava. Naquele momento, ela assumiu sua pequenez. Por isso, digo aos meus filhos de comunidade: “O segredo é assumir sua pequenez.

Se nós tivéssemos amado ainda mais nosso nada, Deus teria feito ainda muito mais, mas mesmo assim o Senhor fez em nós maravilhas. É por isso que a Canção Nova existe”.

Deus faz quando assumimos que somos pequenos e pobres. Para o Senhor nada é impossível, o segredo está aí. É necessário aceitar e assumir a nossa pequenez e pobreza. Louvemos ao Senhor que faz o impossível naqueles que reconhecem a sua pequenez.

pejonas@cancaonova.com
Fundador da Comunidade Canção Nova e Presidente da Fundação João Paulo II. É autor de diversos livros, milhares de palestras em áudio e vídeo, viajando o Brasil e o mundo em encontros de evangelização. Acesse: wwww.padrejonas.com

Padre Jonas Abib

Evangelho do dia 31/07/2008

Salve Maria!

quinta-feira, 31 de julho de 2008

Santo do Dia

Santo Inácio de Loyola, fundador, +1556
(Presbítero, Memória Obrigatória, Cor Branca)
Santo Afonso Rodrigues, religioso leigo, +1617

Livro de Jeremias 18,1-6

Leitura do Livro do Profeta Jeremias:

1Palavra dirigida a Jeremias, da parte do Senhor: 2"Levanta-te e vai à casa do oleiro, e ali te farei ouvir minhas palavras". 3Fui à casa do oleiro, e eis que ele estava trabalhando ao torno; 4quando o vaso que moldava em barro se avariava em suas mãos, ei-lo de novo a fazer com esse material um outro vaso, conforme melhor lhe parecesse aos olhos.
5Fez-se em mim a palavra do Senhor: 6"Acaso não posso fazer convosco como este oleiro, casa de Israel? diz o Senhor. Como é o barro na mão do oleiro, assim sois vós em minha mão, casa de Israel".

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.

Livro de Salmos 146(145),1-2.2-4.5-6

- Feliz quem se apóia no Deus de Jacó!
- Feliz quem se apóia no Deus de Jacó!
- Bendize, minhalma, ao Senhor! Bendirei ao Senhor toda a vida, cantarei ao meu Deus sem cessar!
- Feliz quem se apóia no Deus de Jacó!
- Não ponhais vossa fé nos que mandam, não há homem que possa salvar. Ao faltar-lhe o respiro ele volta para a terra de onde saiu; nesse dia seus planos perecem.
- Feliz quem se apóia no Deus de Jacó!
- É feliz todo homem que busca seu auxílio no Deus de Jacó, e que põe no Senhor a esperança. O Senhor fez o céu e a terra, fez o mar e o que neles existe.
- Feliz quem se apóia no Deus de Jacó!

Evangelho de Jesus Cristo segundo S. Mateus 13,47-53

Aclamação (At 16,14b)
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Abri-nos, ó Senhor, o coração,/ para ouvirmos a palavra de Jesus!
- O Senhor esteja convosco.

- Ele está no meio de nós.
- Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo ? segundo Mateus.
- Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus à multidão: 47"O Reino dos Céus é ainda como uma rede lançada ao mar e que apanha peixes de todo tipo. 48Quando está cheia, os pescadores puxam a rede para a praia, sentam-se e recolhem os peixes bons em cestos e jogam fora os que não prestam. 49Assim acontecerá no fim dos tempos: os anjos virão para separar os homens maus dos que são justos, 50e lançarão os maus na fornalha de fogo. E aí, haverá choro e ranger de dentes. 51Compreendestes tudo isso?" Eles responderam: "Sim". 52Então Jesus acrescentou: "Assim, pois, todo mestre da Lei, que se torna discípulo do Reino dos Céus, é como um pai de família que tira do seu tesouro coisas novas e velhas". 53Quando Jesus terminou de contar essas parábolas, partiu dali.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.


Comentários

«Quem acredita no Filho tem a vida eterna; quem se recusa a acreditar nEle não verá a vida» (Jo 3, 36)

[Santa Catarina ouviu Deus dizer:] No último dia do julgamento, quando o Verbo, meu Filho, revestido da sua majestade, vier julgar o mundo com o seu poder divino, não virá como aquele pobre miserável que era quando nasceu do seio da Virgem, num estábulo, entre os animais; ou tal como morreu, entre dois ladrões. Então, o meu poder estava escondido nele; eu deixava-o suportar, como homem, penas e tormentos. Não que a minha natureza divina tivesse estado separada da natureza humana, mas eu deixava-o sofrer como um homem para expiar as vossas faltas. Não, não será assim que Ele virá no momento supremo: ele virá em todo o seu poder e em todo o esplendor da sua própria pessoa...
Aos justos, inspirará, ao mesmo tempo que um medo respeitoso, um grande júbilo. Não que o seu rosto mude: o seu rosto, em virtude da natureza divina, é imutável, pois ele é um só, comigo, e, em virtude da natureza humana, o seu rosto é igualmente imutável, pois assumiu a glória da ressurreição. Aos olhos dos reprovados, ele surgirá terrível, porque é com esse olhar de espanto e perturbação, que trazem dentro de si próprios, que o verão os pecadores.
Não é isso que se passa com um olho doente? No sol brilhante, nada vê além das trevas, enquanto que o olho são vê nele a luz. Não é que a luz tenha qualquer defeito; não é o sol que se modifica. O defeito está no olho cego. É assim que os reprovados verão o meu Filho nas trevas, no ódio e na confusão. Será por culpa da sua própria enfermidade, e não por culpa da minha majestade divina, com a qual o meu Filho surgirá para julgar o mundo.

Santa Catarina de Sena (1347-1380), terceira dominicana, Doutora da Igreja, co-padroeira da Europa
Diálogo

quarta-feira, 30 de julho de 2008

Confie...

Quanta beleza
existe dentro de você!
Sua coragem, seus sonhos
seu amor que brilha
e sua constante garra...
É você quem dá cor
a tudo que vê.
Flui de você
o mais belo da vida
"A própria vida!"
Voe em seus pensamentos
como um pássaro
vôo a liberdade...
A liberdade de sonhar!
Renove-se.
Olhe para tudo no mundo
com confiança
Com Fé no hoje, no amanhã.
Confie em seus tesouros
Porque são de Deus.
Tudo é lindo
no mundo de fora
Quando olhamos
com os olhos da alma
Confie...
Liberte suas qualidades
e voe bem alto
E verá...
do que você é capaz!

Chamado e Envio


“ Em verdade, em verdade vos digo: aquele que crê em mim fará também as obras que eu faço, e fará ainda maiores do que estas, porque vou para junto do Pai. E tudo o que pedirdes ao Pai em meu nome, vo-lo farei, para que o Pai seja glorificado no Filho.Qualquer coisa que me pedirdes em meu nome, vo-lo farei.Se me amais, guardareis os meus mandamentos.E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Paráclito, para que fique eternamente convosco.É o Espírito da Verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê nem o conhece, mas vós o conhecereis, porque permanecerá convosco e estará em vós.Não vos deixarei órfãos.” (Jo 14, 12-18)

“ Eu vos mandarei o Prometido de meu Pai; entretanto, permanecei na cidade, até que sejais revestidos da força do alto.” (Lc 24,49)


O Paráclito prometido, o Espírito Santo, Espírito da verdade, que Jesus falou aos apóstolos...O amor escancarado de Deus por nós!
Jesus indo para junto do Pai, roga ao Pai que nos envie o Paráclito, para que não fiquemos órfãos!Para que mantivéssemos a ligação com Deus que Ele veio estabelecer! Para que conservássemos a intimidade com Deus...Para tivéssemos acesso ao conhecimento da vontade Divina!
Nos envia aquele que nos fortalece a alma! Aquele que é capaz de nos favorecer com os dons...Os Dons de Deus...
È preciso renascer no Espírito, já diz a Palavra! Abrir as portas do nosso coração, de nossa alma para a ação do Espírito da Verdade! É através do Espírito Santo que temos acesso aos dons...Inclusive ao dom da fé! Pois a fé é dom de Deus, graça de Deus!E o melhor, os dons do Espírito são para TODOS aqueles que crêem!!!! Mas...O que faremos com estes dons? A opção é nossa! A resposta é nossa...É uma resposta de vida! Pois onde quer que formos, levaremos estes dons conosco, pois o Espírito Santo está em nós!!!! (“(...) porque permanecerá convosco e estará em vós. Não vos deixarei órfãos. ” (Jo 14, 12-18)). É uma opção...Deixar estes dons atolados debaixo de inúmeros pecados ou deixar que transbordem... ? Deixar que os problemas desta vida que nos assola nos façam esquecer os dons ou deixar que transbordem? Deixar que olhares e críticas nos afastem da graça de Deus ou permitir que esta graça plena de amor que são os dons transbordem? Seguir andando por esta vida como se não tivéssemos rumo certo ou tomar a decisão de servir a Deus onde e como Ele o quiser? Qual é a sua escolha? Sim, porque a de Deus já aconteceu e Ele fez a opção de te amar infinitamente...Um Deus tão apaixonado por você, por mim, por todos nós, que não bastou se fazer carne, se dá na cruz, derramando até a última gota por nós! Não, não foi o bastante para Ele! Ele, no seu infinito amor, misericórdia e sabedoria providenciou para que O Santo Espírito SEMPRE estivesse com seus filhinhos...Comigo...Com você...Pois o amor de Deus é pessoal! Ele sabia que precisaríamos renascer pela ação do Espírito Santo...Ele sabia que precisaríamos da renovação deste batismo constantemente...Ele sabia que precisava deixa o Paráclito para nos revestir com seu poder...Nos revestir...Estar conosco...Qual a sua resposta? Qual a sua resposta a este Deus que te ama tanto...? Ah! E Ele nos dá gratuitamente os dons! Nos revela estes dons, se o pedirmos! Pedirmos ao Espírito Santo.
Temos vontade de servir ao Senhor? De não escondermos os dons? De deixarmos transbordar estes don se levar a boa nova? Então precisamos da sua autorização! Do seu chamado! Do seu envio!Que Ele nos conceda a sua autoridade!Dos dons que nos concede pelo seu Santo Espírito!
Ele nos diz, na Palavra, que é através do Espírito Santo que podemos ter o conhecimento da vontade do Pai, a inspiração, a coragem, a ousadia, a sabedoria para bem usarmos os dons, que Ele nos concedeu! E uma vez, tendo conhecimento da vontade do Pai, possamos permitir que ela se realize em nossas vidas, no nosso caminhar, nas vidas dos irmãos!
Somos ungidos e presenteados com os dons, os carismas! O senhor o providencia! Para cada um de nós!É do Espírito Santo que vem a força que precisamos para ser canal na missão que o Senhor nos confiou! Pois Ele tem algo muito especial para cada um de nós na sua obra, se dizemos SIM ao Senhor nosso Deus!
Mas atentemos que é para a obra do Senhor! “Ele me ungiu para levar boa nova aos pobres e curar os corações feridos, aleluia!”, já nos diz a Palavra...Não é nosso para que o usemos em benefício próprio! Não é nosso, o poder que aparentemente temos quando estamos servindo a Deus...Ele nos concede! È dom de Deus! É para honra e glória de Deus...Mas, como Ele é só amor e misericórdia, creia, que quando nos deixamos conduzir, sermos canais de transbordamento destes dons para o irmão, para honra e glória do Senhor, NÓS somos os primeiros que agraciados...Não é lindo nosso Deus? Ele pode realizar tudo sozinho, mas quer te usar, quer me usar como canais para a conversão de muitos...E a um só tempo, vai operando em quem se deixa conduzir...Onde há luz não há trevas...Onde o Espírito Santo habita, o mal sai...Não é lindo? Qual a tua resposta? Sem Ele a obra na se dá...
O Senhor nos quer usar na Sua obra! Mas, precisamos dele à nossa frente! Ele é o Senhor da obra! Ele é o autor da fé! A fé que nos move nesta caminhada, na confiança absoluta daquilo que ainda não vimos! Ele está conosco! É Dele que vem a inspiração para o nosso agir! Suscita em nós a necessidade de transbordarmos, usarmos os dons, levar a boa nova a todos, em nome do Senhor!Só em Seu nome!!! É o Santo Espírito que nos revela! E continua a revelar, a nos fortalecer, a nos ungir, nos capacitar para a missão! Uma linda missão de amor...
Nos enviou o Espírito Santo!Não nos abandona nunca! Nos presenteia com Sua unção! Nos deixa a missão de continuarmos a preparar seu caminho, preparando Seu retorno! Nos preparando para Seu retorno...Glorificando-o, proclamando o evangelho a todas as criaturas! Com a garantia que em Seu nome faremos até mais do que Ele fez...Basta crê, amar, guardar, seguir seus mandamentos...Mas não é fácil, não? E mais uma vez nosso Deus vem em nosso socorro antes mesmo que peçamos...Ele nos deixou o Espírito da Verdade para que cansados, encontrássemos repouso...Para que confusos com as tempestades e ventos fortes, encontrássemos luz e abrigo...Irmãos em Cristo, para que na queda orassem por nós e nos ajudassem no levantar, no caminhar de novo...No renovo do batismo no Espírito de Verdade...De amor...
Deus de amor e infinita misericórdia...O Verbo que se encarnou se fazendo pequeno, para que pudéssemos perceber que temos acesso a Deus, e que embora Ele seja o Senhor, nos quer muito pertinho Dele! No seu coração...Em comunhão...
Nos revela todos os dias a imensidão de seu amor por nós...Um amor tão inusitado que nos é difícil compreender...Só mesmo através do Santo Espírito...Um amor que se entregou por nós, para nossa salvação, em morte de cruz! Que desceu aos infernos, venceu a morte, nos libertou! Pagou nosso resgate com o Seu preciosíssimo sangue! Sangue redentor! Sangue salvador! Ele que reservou para nós, uma morada na casa do Pai!!! O céu é nosso destino...Um destino traçado em cada linha por nosso Deus! E qual a tua reposta? Sim, pois a resposta é individual...A resposta tem que ser sua...
Um amor que libertou e liberta diariamente! A cada vez que caímos e o buscamos como única salvação, Ele nos responde com seu amor, com seu perdão!
Na Bíblia, nos deixou o conhecimento que precisamos, se assim o quisermos e aceitarmos, ser batizados no Espírito Santo! Renascer no Espírito!
Mas lembre: a resposta é tua! Deus é fiel a Sua palavra e não volta atrás...Nos deu livre arbítrio. Assim sendo, precisamos dizer sim a Jesus, reconhecendo-o como único e verdadeiro Senhor! Como Filho de Deus Pai!Livremente, espontaneamente...!!Desejarmos e dizermos sim a este batismo, a esta unção. Pedir a Ele que por amor e misericórdia, nosso batismo se dê! E Ele já diz antecipadamente, que “Qualquer coisa que me pedirdes em meu nome, vo-lo farei. Se me amais, guardareis os meus mandamentos”.
Há muitos irmãos que já conhecem e receberam este batismo! Há muito mais que ainda não...E sequer conhecem esta verdade! Esta herança! Esta bênção que é para todos! Basta crer em Jesus, querer e clamar pelo batismo no Espírito! Precisamos levar esta boa nova, em nome de Jesus! Nos disponibilizar a sermos canais para os buscam esta graça, que é o batismo no Espírito. E para os que ainda não buscam, levarmos a boa nova! Em seu santo nome...Com a unção do seu santo espírito...Para honra e glória de Deus!!!
Todos precisamos pedir a Deus que nos conceda a renovação deste batismo, esta graça todos os dias! Buscarmos estar na presença do senhor, clamarmos por sua unção! Incansavelmente, incessantemente buscar a intimidade com o Senhor! O céu é nosso destino!
É neste batismo, sob a ação do Espírito Santo que vamos sendo transformados por Jesus! Então não podemos esperar estarmos mais “puros” para buscarmos esta graça! Pois nunca estaremos puros ou dignos desta bênção...Ela nos é dada por misericórdia!
Qual é a tua resposta? Qual é a tua resposta? Queres servir ao senhor teu Deus? Realizar prodígios e sinais para a conversão de muitos, em nome de Jesus?
Pois olha! Escuta! Sente! Ele bate à porta do teu coração e pede para entrar! Ele quer estar contigo, à tua frente! Te ungir, te conduzir! Basta você crer em Jesus, proclamar o senhorio do Senhor em tua vida! Basta crer e guardar seus mandamentos! Se disponibilizar para o serviço! Tomar posse do lugar que Ele te reservou na construção do seu reino! Basta se deixar amar por Deus! Um Deus apaixonado!
Então, amados de Deus, clamemos pelo Espírito Santo! Pois é só sob a ação do Espírito Santo que recebemos autoridade para agir em seu nome...Agir em nome de Jesus, com a autoridade concedida por Ele! Não por nossa vontade, quando, onde e como queremos, mas sob a inspiração do Senhor! Quando, onde e como, Ele quiser!
Ele é nosso escudo e amparo, pois como diz São Paulo, não é contra homens de carne e sangue que lutamos, mas contra o príncipe das trevas. Se agimos por nossa conta, sem o aval Dele, de acordo com a nossa vontade, sem a unção do Altíssimo, abrimos “espaço” , uma brecha para o inimigo agir em nós...No nosso orgulho, na nossa vaidade...Na nossa preguiça...Onde quer que estejamos mais frágeis...
Deus quer nos usar como canais, mas sob a Sua proteção e orientação...Seguindo a Sua vontade, sob a sua unção, transbordando seu amor, sua misericórdia que transforma e restaura nossas vidas e a dos irmãos!É Ele quem luta por nós, através de nós... Ele sabe que o inimigo está à nossa espreita...Nos atacando naquilo em que somos mais frágeis... Mas Ele quer nos proteger, porque nos ama!
Até nisso nosso Deus se preocupa conosco! Em nos fortalecer, nos proteger! E só encontramos esta força e proteção no Senhor!
No mostra de forma clara como nos enviou seu Santo Espírito, para agirmos em Seu nome, sob a sua unção... Nos deixa em diversas passagens na Bíblia, que só Nele teremos autoridade para proclamar a Sua palavra, levar a Boa Nova... Revestidos da Sua autoridade...Sermos canais de profecias, curas, milagres, libertações, em Seu nome! Em Lucas“Repousa sobre mim o Espírito do Senhor; ele me ungiu para levar boa nova aos pobres e curar os corações feridos, aleluia!” (Lc 4, 18); Ainda em Lucas: “ Eu vos mandarei o Prometido de meu Pai; entretanto, permanecei na cidade, até que sejais revestidos da força do alto.” (Lc 24,49); Atos “Agora, pois, Senhor, olhai para as suas ameaças e concedei aos vossos servos que com todo o desassombro anunciem a vossa palavra.. Estendei a vossa mão para que se realizem curas, milagres e prodígios pelo nome de Jesus, vosso santo servo!Mal acabavam de rezar, tremeu o lugar onde estavam reunidos. E todos ficaram cheios do Espírito Santo e anunciaram com intrepidez a palavra de Deus.” (Atos, 4, 29-31)
Dele vem a graça!
O amor se derrama de amor por nós!
Deus é Amor! É o Senhor! É Dele que vem a cura, os milagre e prodígios! Ele é a salvação...
Não importa quem você foi, o que você fez...A Ele importa quem você quer ser, se crê Nele e o segue, clamando e recebendo com humildade o batismo e o renovo do Espírito Santo, que te capacitará e guiará no caminho que preparou para você! Um caminho que é só seu! Preparado por Deus só para você! Um caminho que com muito amor e carinho foi preparado especialmente para você! Pois para cada um de nós Ele preparou um caminho! Creia! Somos um em Cristo! Somos corpo místico de Cristo!
Toma posse da graça que Ele já nos concedeu! Da fé, da cura, da libertação! Do perdão! Tome posse! Acredite em Jesus! Ele nos toca e transforma nossas vidas!
Deus é amor e já te salvou! Te chamou para Ele!!! És criatura Dele! Assume teu lugar! O lugar que Ele te preparou!
Deus eternamente tão repleto de amor e misericórdia encontra sempre um meio de nos mostrar que já nos libertou e curou!
Nos coloquemos a caminho, pedindo ao Senhor que nos conceda a graça de ouvirmos Sua vontade e seguirmos a direção que Ele indicar!
Nos coloquemos a caminho nos abrindo cada vez mais a ação do Espírito Santo!
Jesus te chama! Qual a tua resposta?


Zena Navarro

Evangelho do dia 30/07/2008

Salve Maria!

quarta-feira, 30 de julho de 2008

Santo do Dia

XVII SEMANA DO TEMPO COMUM
S. Pedro Crisólogo, Bispo e Doutor da Igreja, +450 (Memória Facultativa)
Beato Bráulio Maria Corres, Frederico Rúbio e 69 companheiros, mártires da Guerra Civil de Espanha
S. Justino de Jacobis, bispo, +1860

Livro de Jeremias 15,10.16-21

Leitura do Livro do Profeta Jeremias:

10Ai de mim, minha mãe, que me geraste um homem de controvérsia, um homem em discórdia com toda a gente! Não emprestei com usura nem ninguém me emprestou, e contudo todos me amaldiçoam. 16Quando encontrei tuas palavras, alimentei-me, elas se tornaram para mim uma delícia e a alegria do coração, o modo como invocar teu nome sobre mim, Senhor Deus dos exércitos.
17Não costumo freqüentar a roda dos folgazões e gabo-me disso; fiquei a sós, sob o influxo de tua presença e cheio de indignação. 18Por que se tornou eterna minha dor, por que não sara minha chaga maligna? Para mim te tornaste como miragem de um regato, como visão dáguas ilusórias. 19Ainda assim, isto diz-me o Senhor: "Se te converteres, converterei teu coração, para te sustentares em minha presença; se souberes separar o precioso do vil, falarás por minha boca; os outros voltarão para ti, e tu não voltarás para eles. 20Em favor deste povo, farei de ti uma muralha de bronze fortificada; combaterão contra ti, mas não prevalecerão, porque eu estou contigo para te salvar e te defender diz o Senhor. 21Eu te libertarei das mãos dos perversos e te salvarei dos prepotentes".

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.

Livro de Salmos 59(58),2-3.4.10-11.17.18

- Sois meu refúgio no dia da aflição.
- Sois meu refúgio no dia da aflição.
- Libertai-me do inimigo, ó meu Deus, e protegei-me contra os meus perseguidores! Libertai-me dos obreiros da maldade, defendei-me desses homens sanguinários!
- Sois meu refúgio no dia da aflição.
- Eis que ficam espreitando a minha vida, poderosos armam tramas contra mim. Mas eu, Senhor, não cometi pecado ou crime.
- Sois meu refúgio no dia da aflição.
- Minha força, é a vós que me dirijo, porque sois o meu refúgio e proteção, Deus clemente e compassivo, meu amor! Deus virá com seu amor ao meu encontro, e hei de ver meus inimigos humilhados.
- Sois meu refúgio no dia da aflição.
- Eu, então, hei de cantar vosso poder, e de manhã celebrarei vossa bondade, porque fostes para mim o meu abrigo, e meu refúgio no dia da aflição. Minha força, cantarei vossos louvores, porque sois o meu refúgio e proteção, Deus clemente e compassivo, meu amor!
- Sois meu refúgio no dia da aflição.


Evangelho de Jesus Cristo segundo S. Mateus 13,44-46

Aclamação (Jo 15,15b)
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Eu vos chamo meus amigos,/ pois vos dei a conhecer/ o que o Pai me revelou.
- O Senhor esteja convosco.
- Ele está no meio de nós.
- Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo ? segundo Mateus.
- Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus à multidão: 44"O Reino do Céus é como um tesouro escondido no campo. Um homem o encontra e o mantém escondido. Cheio de alegria, ele vai, vende todos os seus bens e compra aquele campo. 45O Reino dos Céus também é como um comprador que procura pérolas preciosas. 46Quando encontra uma pérola de grande valor, ele vai, vende todos os seus bens e compra aquela pérola".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

Comentários

Um tesouro escondido

Diz a esposa do Cântico [...] que se ergueu do leito para ir à procura do seu bem-amado na cidade, mas em vão o procurou; depois de ter saído da cidade, então encontrou aquele que o seu coração amava (Cant 3, 1-4). Jesus esconde-Se, não quer que encontremos a Sua presença adorável no repouso. [...] Oh!, que melodia para o meu coração é este silêncio de Jesus, que Se faz pobre a fim de que possamos exercer a caridade com Ele, que nos estende a mão como um mendigo a fim de que, no dia radioso do juízo, quando vier em toda a Sua glória, Ele possa dizer-nos estas doces palavras: «Vinde, benditos de Meu Pai [...], porque tive fome e destes-Me de comer, tive sede e destes-Me de beber; era peregrino e recolhestes-Me; estava nu e destes-Me de vestir; adoeci e visitastes-Me; estive na prisão e fostes ter Comigo» (Mt 25, 34-36) Foi o próprio Jesus que proferiu estas palavras, é Ele que quer o nosso amor, que o mendiga. Ele coloca-Se, por assim dizer, à nossa mercê, nada quer tomar que não Lhe demos. [...]
Jesus é um tesouro escondido, um bem inestimável que poucas almas sabem encontrar, porque Se esconde e o mundo ama aquilo que brilha. Ah!, se Jesus tivesse querido mostrar-Se a todas as almas com os Seus dons inefáveis, certamente que não haveria uma só que O desdenhasse; mas Ele não quer que O amemos por causa dos Seus dons, Ele próprio há-de ser a nossa recompensa.
Para encontrar uma coisa que está escondida, a pessoa tem também de se esconder; a nossa vida há-de ser um mistério, havemos de nos parecer com Jesus, com Jesus cujo rosto permanecia oculto (Is 53, 3) [...]. Jesus ama-te com um amor tão grande que, se O visses, cairias num êxtase de amor [...], mas não O vês e sofres com isso. Porém Jesus não tardará a «levantar-se para o julgamento, para salvar os humildes da nação» (Sl 75, 10)
Santa Teresa do Menino Jesus (1873-1897), carmelita, Doutora da Igreja
Ms C, 25, vº

Só o Senhor conhece nossas necessidades

Quarta-Feira, 30 de Julho 2008

Durante o nosso dia, perdemos várias oportunidades de praticar o bem. Quantas vezes temos oportunidade de ser pacientes e bondosos com os outros, em situações que não são de nosso gosto. Estamos com muita pressa e alguém aparece para nos atrapalhar, o superior é ríspido, os filhos são um eterno problema, o marido é indelicado, dentre outros... O que geralmente fazemos em situações assim, no ímpeto de toda nossa irritação? Gritamos ou ficamos irritados e tensos. Seria tudo muito melhor se fôssemos pacientes e serenos.

A maior paciência que precisamos ter, hoje, é esperar que a vontade de Deus aconteça em nossas vidas. Precisamos acreditar que o Senhor conhece todas as nossas necessidades e sabe perfeitamente como satisfazê-las. Mas precisamos permitir que Ele conduza nossas vidas; com isso, peçamos a Deus que Ele nos ensine a ser pacientes e mansos.

Jesus, eu confio em Vós!

Luzia Santiago

terça-feira, 29 de julho de 2008

Evangelho do dia 29/07/2008

Salve Maria!

terça-feira, 29 de julho de 2008

Santo do Dia

SANTA MARTA
(Memória, Cor Branca)
Santos Lázaro e Maria, hospedeiros do Senhor, irmãos de Santa Marta



1ª Carta de S. João 4,7-16

Leitura da Primeira Carta de São João:

7Caríssimos, amemo-nos uns aos outros, porque o amor vem de Deus e todo aquele que ama nasceu de Deus e conhece Deus. 8Quem não ama, não chegou a conhecer Deus, pois Deus é amor.
9Foi assim que o amor de Deus se manifestou entre nós: Deus enviou o seu Filho único ao mundo, para que tenhamos vida por meio dele. 10Nisto consiste o amor: não fomos nós que amamos a Deus, mas foi ele que nos amou e enviou o seu Filho como vítima de reparação pelos nossos pecados. 11Caríssimos, se Deus nos amou assim, nós também devemos amar-nos uns aos outros. 12Ninguém jamais viu a Deus. Se nos amamos uns aos outros, Deus permanece conosco e seu amor é plenamente realizado entre nós. 13A prova de que permanecemos com ele, e ele conosco, é que ele nos deu o seu Espírito.
14E nós vimos, e damos testemunho, que o Pai enviou o seu Filho como Salvador do mundo. 15Todo aquele que proclama que Jesus é o Filho de Deus, Deus permanece com ele, e ele com Deus. 16E nós conhecemos o amor que Deus tem para conosco, e acreditamos nele. Deus é amor: quem permanece no amor, permanece com Deus, e Deus permanece com ele.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.

Livro de Salmos 34(33),2-11

- Provai e vede quão suave é o Senhor!
- Provai e vede quão suave é o Senhor!
- Bendirei o Senhor Deus em todo o tempo, seu louvor estará sempre em minha boca. Minha alma se gloria no Senhor; que ouçam os humildes e se alegrem!
- Provai e vede quão suave é o Senhor!
- Comigo engrandecei ao Senhor Deus, exaltemos todos juntos o seu nome! Todas as vezes que o busquei, ele me ouviu, e de todos os temores me livrou.
- Provai e vede quão suave é o Senhor!
- Contemplai a sua face e alegrai-vos, e vosso rosto não se cubra de vergonha! Este infeliz gritou a Deus, e foi ouvido, e o Senhor o libertou de toda a angústia.
- Provai e vede quão suave é o Senhor!
- O anjo do Senhor vem acampar ao redor dos que o temem, e os salva. Provai e vede quão suave é o Senhor! Feliz o homem que tem nele o seu refúgio!
- Provai e vede quão suave é o Senhor!
- Respeitai o Senhor Deus, seus santos todos, porque nada faltará aos que o temem. Os ricos empobrecem, passam fome, mas aos que buscam o Senhor não falta nada.
- Provai e vede quão suave é o Senhor!

Evangelho de Jesus Cristo segundo S. Lucas 10,38-42

Aclamação (Jo 8,12)
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Eu sou a luz do mundo, aquele que me segue não caminha entre as trevas, mas terá a luz da vida.
- O Senhor esteja convosco.
- Ele está no meio de nós.
- Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo ? segundo João.
- Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 19muitos judeus tinham vindo à casa de Marta e Maria para as consolar por causa do irmão. 20Quando Marta soube que Jesus tinha chegado, foi ao encontro dele. Maria ficou sentada em casa.
21Então Marta disse a Jesus: "Senhor, se tivesses estado aqui, meu irmão não teria morrido. 22Mas mesmo assim, eu sei que o que pedires a Deus, ele te concederá". 23Respondeu-lhe Jesus: "Teu irmão ressuscitará". 24Disse Marta: "Eu sei que ele ressuscitará na ressurreição, no último dia".
25Então Jesus disse: "Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, mesmo que morra, viverá. 26E todo aquele que vive e crê em mim, não morrerá jamais. Crês isto?" 27Respondeu ela: "Sim, Senhor, eu creio firmemente que tu és o Messias, o Filho de Deus, que devia vir ao mundo".

Ou escolhe-se:

(Lc 10,38-42)

Naquele tempo, 38Jesus entrou num povoado, e certa mulher, de nome Marta, recebeu-o em sua casa. 39Sua irmã, chamada Maria, sentou-se aos pés do Senhor, e escutava a sua palavra. 40Marta, porém, estava ocupada com muitos afazeres. Ela aproximou-se e disse: "Senhor, não te importas que minha irmã me deixe sozinha, com todo o serviço? Manda que ela me venha ajudar!".
41O Senhor, porém, lhe respondeu: "Marta, Marta! Tu te preocupas e andas agitada por muitas coisas. 42Porém, uma só coisa é necessária. Maria escolheu a melhor parte e esta não lhe será tirada".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

Comentários

Uma mulher chamada Marta recebeu-O em sua casa

Na eternidade, havemos de nos sentar à mesa. Não me atreveria a dizê-lo, se não tivesse sido o Senhor a prometê-lo. Ele promete uma grande recompensa aos Seus servos, a quem diz: «Cingir-se-á, mandará que se ponham à mesa e servi-los-á» (Lc 12, 37). [...] Grande é, pois, a promessa, e feliz o seu cumprimento. Comportemo-nos de maneira a merecê-la; deixemo-nos ajudar a chegar ao local onde o Senhor nos servirá à mesa.
O que será essa refeição, a não ser um repouso? E o que significa «servi-los-á», a não ser que Ele nos saciará? Com que alimento e com que bebida? Certamente, com a própria verdade. [...] Não acreditas que Deus possa alimentar-te dessa maneira, quando já é assim que o teu olho se sacia de luz? Seja vista por muitos ou por poucos, a luz brilha sempre com a mesma intensidade, espalhando conforto, sem nunca faltar, sem diminuir com o uso. [...] Por que não compreendeis ainda? Porque andais ocupados com muitas coisas. É o trabalho de Marta que vos ocupa - mais ainda, que nos ocupa a todos. Pois ninguém está dispensado deste trabalho de assistência. [...]
É por isso, meus queridos, que vos peço e vos exorto [...]: desejemos juntos esta vida. Corramos para ela todos juntos, para nela permanecermos à chegada. Está a chegar a hora, e essa hora será sem fim, em que o Senhor nos fará sentar à mesa para nos servir. E que nos servirá, a não ser Ele mesmo? Por que quereis saber o que comereis? Será o próprio Senhor que comereis. [...] «Uma só coisa pedi ao Senhor, ardentemente a desejo: poder sentar-me na casa do Senhor todos os dias da minha vida, contemplando a beleza do Senhor» (Sl 27, 4) [...] Não tenhamos o gosto dos alimentos carnais [...], pois eles passarão. Se queres ser como Marta e dedicar-te aos mesmos ofícios, fá-lo com moderação e misericórdia. [...] O trabalho passa, e virá o repouso, mas só se chega ao repouso pelo trabalho. O navio passa e chega-se à pátria, mas só se chega à pátria no navio. Estou, porém, seguro de que não havemos de naufragar, porque somos transportados pelo madeiro da cruz.

Santo Agostinho (354-430), bispo de Hipona (norte de África) e doutor da Igreja
Sermão 104

Para que se agitar?

Terça-Feira, 29 de Julho 2008

Em meio à multiplicidade das ocupações deste mundo devemos fazer bem todas as coisas, mas sem deixar que a agitação e o excesso de preocupação tomem conta do nosso coração. Ficamos preocupados, muitas vezes, com tantas coisas que até são importantes, mas não podemos perder de vista as coisas essenciais.

"Marta, Marta, andas muito inquieta e te preocupas com muitas coisas; no entanto, uma só coisa é necessária; Maria escolheu a boa parte, que não lhe será tirada" (Lc 11,41-42).

Façamos hoje o exercício de, ao longo de todo o nosso dia, não ficarmos com o coração agitado nem inquieto por nada, e se ele vier a ficar, peçamos a Jesus: Senhor, acalma o meu coração.

Jesus, eu confio em Vós!

Luzia Santiago

segunda-feira, 28 de julho de 2008

Contatos Telepáticos

O propósito desse texto é explicar como ocorrem os contatos telepáticos, as comunicações no espaço, bem como incentivar a abertura de novos e finos canais telepáticos dos seres extraterrestres (espacitômeles).

A comunicação mental com extraterrestres, feita a longa distância, não pode ser chamada simplesmente de telepatia. A telepatia é para nós, a comunicação direta terrestre de um ser humano para outro, que pode ainda, dependendo dos conhecimentos, estender-se até as barreiras espaciais existentes em torno da Terra. Comunicação direta significa através dos recursos interiores do nosso cérebro. O termo mais correto para o contato aberto com os espacitômeles seria: comunicação direta ultradimensional, pois as mensagens podem ser enviadas estando eles no nosso próprio espaço ou em espaços-tempos paralelos.

Quando às comunicações transmitidas, leva-se em consideração que somente podem recebê-las integralmente aqueles que são possuidores de um cérebro mais potente. A transcodificação exata destas mensagens e a sua adaptação à nossa língua, além de toda uma experiência obtida com os seres extraterrestres, somente pode se realizar através de minúsculos aparelhos adaptados ao tipo de cérebro humano e corpo físico.

Estes aparelhos, por serem de diversas categorias, podem ser adicionados ao ser nas suas diversas dimensões: no cérebro espiritual, no cérebro astral, no cérebro mental, no corpo mental, no corpo astral, no corpo físico. Eles são colocados sobre as bases dos sete canais existentes no cérebro humano. O nosso corpo energético possui sete chakras. Outros minúsculos aparelhos importantes, podem ser adaptados às bases destes chakras. Nas bases destes chakras, que também são canais energéticos, e em outros pontos eletromagnéticos do corpo, podem ser adaptados diversos tipos destes minúsculos aparelhos. Podem ser também canais energéticos de recepção e emissão.

Em primeiro lugar, são colocados através de pequenas cirurgias para experimentos; em segundo lugar, para adaptações; e em terceiro, para atuações ou, como costumamos chamar, operações. Eles passam a operar então e podem ser controlados pelo Alto Comando da vontade determinada que o ser humano possui. Mas aqui mencionamos que esses minúsculos aparelhos, com o passar do tempo, passam a fazer parte do nosso ser. Sendo assim, só passam a funcionar pela nossa vontade quando já possuímos pleno conhecimento sobre eles e das suas múltiplas funções. Por isso adicionamos o termo Vontade Determinada que só pode existir e agir através dos comandos do nosso cérebro-consciente.

Um desses minúsculos aparelhos chama-se psicoscópio e serve para captar informações a longa distância. São adaptados ao nosso cérebro, à nossa razão e aos nossos sentidos, principalmente aos nossos olhos, e os sentidos são internos e externos. Existem outros chamados capacitores mentais. Estes armazenam nas Telas Mentais toda comunicação recebida e a traduzem para nossa linguagem humana terrestre. Assim como símbolos e gráficos extraterrestres recebidos, conseguimos saber o que significam, interpretá-los com nossos mentais paralelos, cérebros de análise, graças a esses pequenos aparelhos. Eles podem servir também para nos proteger fisicamente e, principalmente, proteger o nosso cérebro humano.

O TRANSPORTE

Os capacitores mentais também podem ser usados para determinadas operações extraterrestres, como por exemplo, a de teletransporte. O que acontece nessas operações realmente é que um outro ser se incorpora em nós, no nosso corpo físico, mantêm a vida e a consciência de tudo e se adapta aos nossos costumes, por assim estar treinado. E nós que estamos aqui, que viemos para a Terra assumir este corpo físico, somos transportados para um outro tipo de matéria. Desta operação, podemos afirmar que não se passa totalmente para o outro corpo, conserva-se parte dele nele mesmo e parte do outro que o anima. Destes resultados, por serem exatos e precisos, não se perde a memória. Sabemos que estamos aqui, continuamos os nossos afazeres. Sabemos que estamos lá, continuamos os nossos afazeres. Sabemos que somos nós mesmos.

É lógico e evidente que há algumas diferenças. Muitas vezes, nesses momentos, as pessoas nos estranham aqui. Por algumas razões, por algumas palavras diferentes, ou pelo modo de falar. Em resumo, por várias modificações em nós.

Nessas operações, podem se usar, muitas vezes, dois espaços diferentes, dois horários diferentes, diferenças de espaços e de horários, em um só tempo, que é então um terceiro tempo. Isso prova que o homem pode estar em vários lugares ao mesmo tempo fisicamente. Para os extraterrestres, o tempo é mais rápido que o nosso. Além disso, podem modificá-lo para velocidades maiores ainda por necessidade, às vezes, na maioria das operações espaciais de adentrarem para o futuro relacionado ao nosso tempo terrestre. Devemos deixar claro que tudo isso é possível graças a ciência maior extraterrestre, mais avançada do que a ciência terrena.

Leva-se em conta que, para certas operações de transporte, muitas vezes há a necessidade de uma Nave Comando estar estacionada numa distância mínima, contada pelo nosso tempo, de 7.000 Km. É uma operação, consideramos, de difícil entendimento pela mente humana racional semiconsciente.

oOo

Nessa parte do texto, é importante fazermos algumas observações necessárias e indispensáveis:

1) Não é porque a pessoa estuda e tem interesses em assuntos extraterrestres, como você, amigo leitor, isso não significa que a pessoa tem algum tipo desses aparelhos adaptados nela. Tal fantasia e ilusão somente lhe seria prejudicial.

2) Atualmente, há um grande número de pessoas que dizem receber mensagens extraterrestres. Infelizmente, a maioria, grande parte dos supostos canais, não recebem de fato as mensagens. Há muita invenção e mistificação por parte das pessoas, o que só contribuí para o descrédito dos contatos telepáticos entre extraterrestres e seres humanos, desacreditando pessoas sérias e honestas.

3) Podem também ocorrer, muitas vezes, interferência do psiquismo do próprio ser humano, interferências do seu subconsciente, que o faz acreditar serem mensagens de outros seres, enquanto não passam de invenções da sua própria mente.

4) Muitos iludem os outros e a si mesmos, dizendo terem contatos com seres extraterrestres. Porém, na grande maioria das vezes, nem conhecem como se processam os contatos telepáticos. Oras, isso é inadmissível, porque se recebem mensagens, deveriam saber como elas são enviadas, por que meios a recebem, o processo de comunicação espacial e quem as envia.

5) Somente recebem, de fato, mensagens de origem extraterrestre, àqueles que tem conhecimento e experiências com os espacitômeles e participam conscientemente das operações extraterrestres em nosso planeta, sabendo a parte que lhes cumpre para o sucesso de todo o projeto. Essas pessoas, além das experiências com os extraterrestres, tem conhecimento do processo dos contatos telepáticos. Por isso, os nossos irmãos do espaço preferem enviar para a Terra, através do processo de reencarnação, seres das suas origens. A razão desse procedimento está na confiança em que depositam em tais seres, além de que estes se adaptariam melhor e com mais facilidade a todo esse processo. E fica nisto que sabem quem são, com quem e porque mantêm seus contatos e que não são somente contatos.

6) Devemos usar sempre nossa inteligência superior, nossa esfera mental consciente, acima da semi-consciente humana, e separar o joio do trigo. Devemos arrancar o joio, e colhermos somente o trigo, para contribuirmos no crescimento da colheita do Senhor. Ao ler mensagens e ensinamentos extraterrestres, analise com muita atenção, use o discernimento, veja se os conhecimentos transmitidos passam sinceridade, firmeza; veja se o canal tem realmente conhecimento de causa; se os ensinamentos tocam o seu interior e encontram ressonância com a sua inteligência maior.

oOo

Os canais telepáticos podem captar mensagens extraterrestres, somente quando elas se adentram para o nosso espaço, ou mesmo quando as mensagens são dirigidas do espaço para Terra. Estes canais telepáticos humanos, por suas aberturas que muitas vezes entram nas freqüências da sintonia fina espacial, chamada Alpha XZ, podem captar sinais ou partes de mensagens transmitidas. Podem não entender, não decifrar.

Uma comunicação transferida para a Terra pode ser entendida de várias formas e de várias formas ser passada a outros. Mas nos seus conteúdos reais só pode transmitir uma única linguagem. Por isso é que chegamos ao ponto de dizer: os extraterrestres possuem os seus canais exatos na Terra, por muitas razões, espalhados por todo globo terrestre, cumprindo suas missões, seguindo um comando maior, para o sucesso das operações chamadas extraterrestres.

Parte dessas mensagens telepáticas são, de lá para cá, intencionais. Deixam os espaços entreabertos para que muitos possam, por parte e controladamente, captar nos seus cérebros essas informações à longa distância. Por causa do adiantamento e amadurecimento cerebral de muitas pessoas, muitos poderiam receber partes dessas comunicações extraterrestres, por causa dos seus circuitos capazes de sintonizarem na sintonia fina espacial Alpha XZ.

oOo

Colocaremos aqui, como exemplo, alguns símbolos extraterrestres recebidos durante os contatos telepáticos e os seus respectivos significados:

1) A letra A é o símbolo de Alpha. A abertura do A, a partir do seu vértice ou ponta piramidal para baixo, significa, nesta linguagem, que a comunicação está sendo enviada do quarto espaço para o terceiro, onde se situa a Terra, e para os dois outros espaços consecutivos inferiores.

2) Posteriormente explicaremos o símbolo de número dois.

3) Mais tarde explicaremos o símbolo de número três, porque também o seu significado depende de outros símbolos à ele ligados.

4) O quarto símbolo é também o símbolo de Alpha.

5) O quinto desenho, através de uma linguagem precisa e dependendo de outros símbolos sequentes ou ligados à ele, significa: "Contato direto, estamos interligados. Estou em tal lugar e a Nave Espacial Condor de Prata está em contato com você." Daí, em uma sequência, são transmitidas as informações no sentido daquilo que precisamos cumprir imediatamente ou dentro de alguns dias. São marcados os nossos encontros e as operações programadas. Estes encontros podem acontecer por partes ou por completo, isto é, espiritual, energética, física ou materialmente. É material quando se vai ao encontro pessoalmente, fisicamente, ou quando encontram a pessoa através de teletransportes.

6) A figura número seis, com as suas hastes abertas para o Alto, é o primeiro sinal significando: "Estamos em contatos de um espaço superior para o seu espaço terrestre. Estamos ou precisamos de você para..."

7) A figura número sete significa: "Estamos em contatos de um determinado lugar, de um espaço inferior para o seu espaço." Neste caso, as comunicação emitidas podem ser duplicadas. Posso recebê-las pelo lado direito do meu cérebro, em uma parte ascendente superior e mental, que cai para o meu hemisfério cerebral direito. Podem ainda se duplicar para o hemisfério cerebral do lado esquerdo, através de quatro canais paralelos que se situam dentro do meu cérebro, consecutivamente superior ao cérebro humano.

Este processo de duplicação pode ocorrer em casos de se precisar de reforços em relação ao que está pelo lado direito e pelo lado esquerdo nos espaços paralelos à Terra e às suas faces descendentes. Neste caso, estes símbolos:

multiplicam-se fora e dentro do meu cérebro. Eles são os sinais que indicam a existência de dois espaços abertos, de dois canais abertos ao mesmo tempo, de dois cérebros dentro do meu, sendo o meu cérebro humano contado como o terceiro. Sinalizam: "Esteja atento, duas Naves Espaciais estão em operações interligadas: Condor de Prata-I e Águia Dourada-I."

Muitas vezes, podemos estar em muitos lugares ao mesmo tempo e, em muitas delas, sem saírmos do lugar. Esses símbolos prosseguem e podem chegar a uma contagem de 7 x 2, abertos para o alto ou abertos para baixo. O ponto entre as hastes representa o cérebro das naves, o cérebro de quem as comanda, o cérebro de quem se interliga a elas e que, por uma ordem, está interligado.

O símbolo à direita significa: "Operações interligadas entrando em ação através da Nave Superior e de seu comandante." O nome desta nave é Kris-Won-I-Helctro-Yns. Kris-Won-I é o nome da nave e do seu comandante, pois é moldada ao seu cérebro. Helctro-Yns significa que eles estão interligados a outros, por uma ordem hierárquica e por uma ordem individual. Isto tudo significa: ação interligada, mas cada um cumprindo a sua parte, no sentido de precisão e por auto-consciência = Vontade Determinada.

8) O oitavo símbolo é o símbolo de Alpha + Ômega.

9) A forma do desenho número nove significa: de Alpha para a Terra, ou de Ômega para a Terra, ou do centro do sistema para a Terra.

10) A inversão dos números, como mostra o desenho dez, é igual à: comunicação enviada, comunicação recebida e resposta emitida. O alongamento da última haste, que também pode ser a primeira, significa que a comunicação se faz do Sistema Central de Alpha + Ômega, do sexto-espaço celeste ascendente, chamado Firmamento Estelar, para tudo o que está além dele e, do além dele até nós, até a Terra e além da Terra.

oOo

Na realidade, as mensagens extraterrestres não são simplesmente mensagens. Tudo faz parte de um sistema de comunicação conquistado. A palavra conquistado significa que está sob controle. Podem haver ainda outras interpretações, mas aqui nós a usamos no seu verdadeiro sentido: do Alto para a Terra, para o bem da Terra.

Os extraterrestres podem se comunicar telepaticamente conosco através de um sistema espacial chamado psiquespacistelencon. Como as comunicações vêm dos espacitômeles, significa que eles podem entrar em contato direto de um espaço para outro com seus canais que estão na Terra, isto é, homens que vieram para o planeta no cumprimento de uma missão interligada.

Ultimamente, por uma Ordem Superior, abriram-se canais de comunicações, e vários sinais podem ser captados por qualquer ser humano. Por muitos ao mesmo tempo, estando em lugares diferentes, em países diferentes e de costumes diferentes.

Atualmente os céus estão abertos e muitos canais telepáticos estão interligados. Muitos seres humanos poderão entrar em contatos. Contatos interespaciais, contatos extraterrestres, contatos com as naves do Nosso Pai, contatos com o grande exército dos seus trabalhadores universais.

Haverá momentos, muito em breve, pela evolução humana, em que grande parte da Terra receberá diretamente esses contatos. As portas do Alto para a Terra estão prontas e os canais de interligações devem se fazer para a mente humana, a fim de que saibam quem são seus irmãos reais, de onde eles vêem, e suas intenções pacíficas. Nestas horas, já estarão sabendo também sobre outros que violentaram as leis básicas da Terra, e que daqui desta face terrestre serão retirados.

Em um futuro próximo, todos estarão preparados para compreender os ensinamentos extraterrestres, inclusive a própria ciência terrena, devido à evolução e amadurecimento do cérebro humano. Haverá outros recursos lingüísticos acrescentados e internos ao homem para a compreensão de uma língua universal que vem do Hipecro-Sistema-Imaterinoligado.

Evangelho do dia 28/07/2008

Salve Maria!

segunda-feira, 28 de julho de 2008

Santo do Dia

XVII SEMANA DO TEMPO COMUM

S. Vítor I, papa, +199

Beata Maria Teresa Kowalska, virgem e mártir, +1941


Livro de Jeremias 13,1-11

Leitura do Livro do Profeta Jeremias:

1Isto disse-me o Senhor: "Vai comprar um cinto de linho e põe-no em torno da cintura, mas não o deixes molhar na água". 2Comprei o cinto, conforme a ordem do Senhor, e coloquei-o à cintura. 3E a palavra do Senhor dirigiu-me a mim pela segunda vez, dizendo: 4"Toma o cinto que compraste e tens à cintura, levanta-te e vai ao Eufrates, esconde-o lá na fenda de uma pedra". 5Fui e o escondi perto do Eufrates, conforme mandara o Senhor. 6Ora, ao cabo de muitos dias, disse-me o Senhor: "Levanta-te, vai ao Eufrates, e retira de lá o cinto que te mandei esconder". 7Fui ao Eufrates, cavei e retirei o cinto do lugar onde o tinha escondido; mas eis que o cinto tinha apodrecido tanto que não servia mais para nada. 8E a palavra do Senhor dirigiu-me a mim, dizendo: 9"Isto diz o Senhor: Assim farei apodrecer a grande soberba de Judá e de Jerusalém; 10este povo perverso, que se recusa a ouvir minhas palavras, convive com a maldade no coração, e vai atrás de deuses estrangeiros, prestando-lhes culto e prostrando-se diante deles será como este cinto que não serve mais para nada. 11Pois assim como o cinto se une à cintura do homem, assim quis eu que toda a casa de Israel e toda a casa de Judá se unissem a mim, diz o Senhor, para ser meu povo, honra do meu nome, louvor e glória. Mas não ouviram".

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus


Deut. 32,18-19.20.21

- Esqueceram o Deus que os gerou.
- Esqueceram o Deus que os gerou.
- Da Rocha que te deu à luz te esqueceste, do Deus que te gerou não te lembraste. Vendo isto, o Senhor os desprezou, aborrecido com seus filhos e suas filhas.

- Esqueceram o Deus que os gerou.
- E disse: Esconderei deles meu rosto e verei, então, o fim que eles terão, pois, tornaram-se um povo pervertido, são filhos que não têm fidelidade.

- Esqueceram o Deus que os gerou.
- Com deuses falsos provocaram minha ira, com ídolos vazios me irritaram; vou provocá-los por aqueles que nem povo são, através de gente louca hei de irritá-los.

- Esqueceram o Deus que os gerou.


Evangelho de Jesus Cristo segundo S. Mateus 13,31-35

Aclamação (Tg 1,18)
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Deus nos gerou pela palavra da verdade/ como as primícias de suas criaturas.

- Aleluia, aleluia, aleluia.




- O Senhor esteja convosco.
- Ele está no meio de nós.
- Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo ? segundo Mateus.
- Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 31Jesus contou-lhes outra parábola: "O Reino dos Céus é como uma semente de mostarda que um homem pega e semeia no seu campo. 32Embora ela seja a menor de todas as sementes, quando cresce, fica maior do que as outras plantas. E torna-se uma árvore, de modo que os pássaros vêm e fazem ninhos em seus ramos". 33Jesus contou-lhes ainda uma outra parábola: "O Reino dos Céus é como fermento que uma mulher pega e mistura com três porções de farinha, até que tudo fique fermentado". 34Tudo isso Jesus falava em parábolas às multidões. Nada lhes falava sem usar parábolas, 35para se cumprir o que foi dito pelo profeta: "Abrirei a boca para falar em parábolas; vou proclamar coisas escondidas desde a criação do mundo".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.


Comentários

Cristo, grão de mostarda e fermento semeado pelo mundo

Cristo veio a este mundo para o submeter a Si próprio, para o reivindicar como Seu, para afirmar os Seus direitos sobre ele como senhor, para o libertar do domínio usurpado pelo inimigo, para Se manifestar a todos os homens, para Se estabelecer nele. Cristo é o grão de mostarda que se desenvolverá silenciosamente, acabando por cobrir a terra inteira. Cristo é o fermento que abre secretamente caminho na massa dos homens, dos sistemas de pensamento e das instituições, até que tudo fique levedado. Até então, o céu e a terra estavam separados; o projecto de graça de Cristo consiste em fazer de ambos um só mundo, tornando a terra paralela ao céu.
Ele estava neste mundo desde o começo, mas os homens adoraram outros deuses. Ele veio a este mundo na carne, «mas o mundo não O conheceu. Veio ao que era Seu e os Seus não O receberam» (Jo 1, 10-11). Mas Ele veio para os levar a recebê-Lo, a conhecê-Lo, a adorá-Lo. Veio para integrar este mundo em Si, a fim de que, tal como Ele próprio é luz, também este mundo seja luz. Quando veio, não tinha «onde reclinar a cabeça» (Lc 9, 58), mas veio para constituir aqui um lugar para Si mesmo, para aqui constituir habitação, para aqui encontrar morada. Veio transformar o mundo inteiro na Sua morada de glória, este mundo que estava cativo das potências do mal.
Ele veio na noite, nasceu na noite escura, numa gruta. [...] Foi aí que primeiro repousou a cabeça, mas não o fez para aí permanecer para sempre. Não era Sua intenção deixar-Se ficar escondido nessa obscuridade. [...] O Seu objectivo era mudar o mundo. [...] O universo inteiro tinha de ser renovado por Ele, mas Ele a nada recorreu que já existisse, tudo criou a partir do nada. [...] Ele era uma luz que brilhava nas trevas, até que, pelo Seu próprio poder, criou um Templo digno do Seu nome.
Cardeal John Henry Newman (1801-1890), sacerdote, fundador de comunidade religiosa, teólogo
PPS vol. 5, n° 20

Eu quero Deus

Segunda-Feira, 28 de Julho 2008

Viver “para o Senhor” significa tê-Lo como o sentido da própria existência, se alimentando da vida que vem do Seu Espírito. Minha vida, agora, gira em função d’Ele, para a Sua glória. Acontece conosco uma virada na escala de valores: não mais “eu”, mas “Deus”: “Não sou eu que vivo, mas Cristo que vive em mim” (Gl 2,20). É um exercício constante de nos descentralizarmos de nós mesmos para nos centralizarmos em Jesus. É “uma revolução Jesus”, como Padre Jonas se expressava a nós jovens.

Escreve São Paulo: “Estou persuadido de que nem a morte nem a vida... poderá separar-nos do amor de Deus, Cristo Jesus, Nosso Senhor” (Rm 8,38). “Para quem crê, a vida e a morte física são unicamente duas fases e duas maneiras diferentes de viver para o Senhor e com o Senhor: a primeira na fé e na esperança, à espera das primícias; a segunda, na qual se entra com a morte na posse plena e definitiva” (Raniero Cantalamessa).

Quem assim aceita viver “para o Senhor” vai colhendo em sua vida os frutos da alegria e da esperança, pois a própria alegria do Senhor torna-se viva n'Ele: “Eu vos disse estas coisas para que a minha alegria esteja em vós e a vossa alegria seja total” (Jo 15,11).

Como um escravo faz com seu senhor, Deus espera que entreguemos em Suas mãos a nossa liberdade, para realizar em nós grandes coisas. Assim foi com Maria; assim foi com a Beata Ângela de Folígno, que ouviu uma voz que lhe dizia: “Ângela, que queres?” e ela, com toda força, exclamou: “Quero Deus!”. E o Senhor respondeu: “Eu darei cumprimento a esse teu desejo”. Com essa exclamação, ela renunciou a própria liberdade e sobre esta renúncia Deus construiu a maravilhosa aventura de santidade que os tempos não puderam apagar. “Já que somos do Senhor, vivamos portanto para o Senhor!”
Jesus, eu confio em Vós!

Luzia Santiago

Desejo, necessidade, vontade



Eu preciso entender, pra nunca mais esquecer, que os caminhos das nossas vidas estão nas nossas mãos, e em nenhum outro lugar. Que qualquer mudança é sempre possível, que nunca é tarde, desde que a gente esteja disposto a ir atrás e batalhar pelo que quer, sem medo das dificuldades. Que o arrependimento não vale a pena, e só serve pra fazer a gente perder tempo. E que o tempo é precioso, porque a vida é curta, e quando a gente vê, já passou.
Eu preciso relembrar as coisas boas, não me deixar esquecer que há um infinito de possibilidades, que eu posso ir por onde eu quiser. Que os meus passos quem guia sou eu, e que se for pra dar meia-volta, que seja. O importante mesmo nessa vida é a gente ser feliz.
Eu preciso olhar pra dentro e voltar a saber onde eu quero chegar. O que é importante, de fato, quando eu encosto a cabeça no travesseiro, eu comigo mesma, e tudo o mais se cala. Eu preciso desse silêncio.
Eu preciso reencontrar a minha força, a confiança e a coragem de arriscar. Não a todo momento, nem de forma desmedida, mas sempre que é preciso. Eu preciso mandar embora esse medo, essa dúvida. Assoprar pra longe essa sensação de areia escorrendo pelos dedos, saborear de novo a liberdade do vento. Eu preciso me deixar levar, desde que eu saiba pra onde quero ir.
Eu preciso de respostas. Que perguntas eu já tenho.
E não são poucas.

MINHA INFÂNCIA


Hildebrando Menezes

Fui e ainda sou...
Um menino feliz.
Irrequieto aprendiz.

Apenas cresci...
Mas não me perdi.
Joguei bola...bafinho...

Troquei figurinhas...
Namorei as priminhas.
Brinquei de médico.

Cacei passarinhos.
Coloquei nas gaiolas.
Só pra depois soltá-los.

Muito cedo também me soltei.
Vôo até hoje...meus sonhos...
Rebobino as peraltices...façanhas...

Com alegria e carinho. Saudades!
Do biboquê...das bolas de gude...
De pular amarelinha...subir nas árvores.

De andar descalço...chutar bola de meia.
Das lutas de box...biribas, cachetas...
Serenatas...bilhetes de amor...

Tardes dançantes...namoro na escola.
Meu acordeon. Minha primeira bicicleta...
A danada que se chamava 'mafalda'.

Do cachorrinho "totó"...das músicas ofertadas.
Nas rádios da cidade. O sorteio que ganhei
De um pacote de biscoito...dos aplausos.

Dos anos que fui artilheiro do time 11 irmãos.
Dos porres de vinho que bebi como sacristão
Escondido do padre da Igreja

Telepatia




Encante-me!
Sem que eu saiba
Onde começa o teu riso
Ou termina o teu pranto.

Encante-me
Sem que eu conheça
As estampas da tua agonia
Nem onde deitam teus medos.

Encante-me!
Com a lua a brincar
De encher e minguar
No céu de tuas magias.

Encante-me mesmo!
Sem fazer de conta
Que a força da minha onda
Não afronta
As marolas da tua calmaria.

Encante-me!
Deixe o teu rastro
Nas minhas noites vazias
Conte-me qualquer história
Que saia da tua cartola...de fantasias.

Surpreenda-me!
Faça com que em tua trajetória
Teus aromas em mim se encalhem
Mesmo que teus encantos se espalhem
Ainda assim... por telepatia...

enise

Veja o poema editado em vídeo e vencedor
do Concurso - 1º lugar "Voa Poesia"
http://br.youtube.com/watch?v=HkGMVwrQQew

Delicadezas...


São momentos eternizados
Pela sensibilidade...tocados...
Com a força dos sentimentos.
Fica na gente uma eletricidade...

Dos carinhos...carícias trocadas.
Só as almas elevadas conseguem.
Entrar nessa sintonia embalada...
E como é gostosa essa troca.

De alguém que te entende...
Voa contigo o vôo da paz.
Pousa e repousa em ti o amor.
Iluminando as sombras da dor.

A delicadeza é companheira...
Parceira perfeita da carência.
Burila as 'fossas'...perfuma as horas.
Fala pra solidão ir de vez embora.

São estes os melhores momentos...
De quem sofre pelos abandonos.
Pelas tristezas...friezas...esquecimentos.
Tudo no coração fica em festa...
Quando a ternura se manifesta.

A delicadeza é obra divina...
Fascina...enobrece...cativa.
Dissipa dúvidas...nos eleva!
Para os aprendizes é como prece.

Manifestação singela de amizade...
Plena...sincera...pura...a mais bela.
Muito obrigado pelas suas delicadezas.
Elas fazem de minha vida uma fortaleza.

Hildebrando Menezes
Veja o poema editado em vídeo
http://www.youtube.com/watch?v=dOs4yDpS5Vo

Carismática nomeia bispo e instala diocese na Capital



Paulo Xavier
Reginaldo Coelho



A Igreja Católica Carismática sagra bispo e instala diocese em Campo Grande, fato que de imediato provocou reação da arquidiocese da Capital. Em nota publicada na imprensa, o arcebispo Dom Vitório Pavanello adverte os fiéis católicos de que o simples ato de participar dos rituais da nova denominação incorre em excomunhão imediata da Igreja Católica Romana.
O bispo da Católica Carismática, Orvandil Moreira Barbosa, será sagrado neste domingo (27) em Belém do Pará e retorna a Campo Grande no dia 29, terça-feira, para assumir suas funções na Diocese Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, cuja sede está instalada na casa de uma fiel, no bairro Jardim Ieda. A cerimônia de posse de Orvandil acontece no conjunto popular Tarsila do Amaral, onde há um acampamento de sem-teto.
A Igreja Católica Carismática surgiu há 40 anos na cidade de Belém do Pará através de um grupo de leigos católicos que se disseram preocupados com a falta de ministros religiosos. Em Mato Grosso do Sul, ela é nova e possui duas comunidades: uma localizada no Jardim Ieda e outra no Cristo Redentor. Orvandil vai liderar 10 padres e "uns mil fiéis", calcula.
O religioso relata que sua relação com a igreja começou aos quatros anos de idade, quando assistiu ao casamento do pai e da mãe. Depois desse momento, viu-se voltado para o sacerdócio. Entrou para o seminário da Igreja Católica Romana, porém a imposição do celibato fez com que ele desistisse de se ordenar padre católico. Em 1972, tornou-se padre da Igreja Anglicana que permite o casamento. No mesmo ano, casou-se e, mais tarde, teve três filhos.
Em 2004, Orvandil abandonou a Igreja Anglicana e ficou até o início do ano sem uma denominação. Foi, então, que conheceu a Igreja Católica Carismática de Belém e recebeu o convite para integrar o clero. Seu currículo ajudou, Orvandil participou de movimentos pela democracia durante a ditadura militar e é ligado à teologia da libertação, que une a religião a questões políticas. Os representantes da igreja perguntaram se ele estava interessado em expandi-la para o Centro-Oeste e o padre acabou aceitando.
De acordo com o padre Orvandil, a Igreja Católica Carismática tem os mesmos ritos e doutrinas da Igreja Católica, além de reconhecer o Papa como líder espiritual máximo. Ele acredita que a vinda da Igreja Católica Carismática é “uma tremenda novidade para o Estado, nós somos padres casados, buscamos qualidade de vida”.
O bispo Dom Vitório Pavanello voltou a advertir os fiéis católicos em mensagem transmitida por sua assessoria. Disse que “não há nenhuma unidade entre essa igreja e a Igreja Católica, a intenção deles é confundir as pessoas, em uma região só pode existir um bispo, e na região de Campo Grande, o bispo é o Dom Vitório, somente o Papa pode nomear outro bispo”.
Ao ser questionado sobre a posição da Igreja Católica Romana, o futuro Bispo Orvandil disse que não quer alimentar polêmica e pretende fazer uma visita a Dom Vitório, após a sua ordenação em Belém. “Devemos nos unir nas questões do povo, lutar pela salvação do planeta”, afirma.

sábado, 26 de julho de 2008

Deixe-se amar


Há um amor que não deixa marcas na nossa alma ou no nosso coração...Um amor que chega, muitas vezes de mansinho, pedindo para ficar... Que faz nosso coração bater no compasso certo, nos tira a ansiedade, o medo...Um amor que vence desafios, simplesmente por nos amar! Um amor que espera, e espera, e espera a nossa atenção! Que não quer conquistar, mas se estabelecer em nossa vida, em nosso coração! Um amor que não gera ciúmes ou incertezas. Onde não abandono ou risco de abandono! Um amor que faz e cumpre promessas...Um amor que não vê meio-termo. Que não conhece fronteiras, vence longas distâncias para nos encontrar... Nem conhece conceitos ou pré-conceitos a nosso respeito! Um amor pleno, repleto de carinhos e atenção!!! Um amor onde há sempre pequenas e muito importantes gentilezas...Sutilezas! Amor eterno e sempre presente! Constante, em todos os instantes...Em todas as suas nuances...De eterna beleza! Amor paciente, que tudo suporta e está sempre pronto a perdoar! Amor que não se zanga com nossas criancices, nossas rabugices...Que não liga para os nossos muitos defeitos, nem de corpo nem de alma...Te aceita e te ama do jeito que você está! Um amor que te convida a amar! Amor capaz de transpor obstáculos inúmeros e imensos, para conquistar o seu amor! Um amor capaz do mais supremo sacrifício! De tão grande e intenso, se doou todo pelo(a) amado(a)! Por você!
E é ainda pouco para descrever o infinito e misericordioso amor de Deus por cada um de nós...Por você!
Não desanimemos com as quedas, e as feridas resultantes na nossa alma!Levemos estas quedas e estas feridas para serem banhadas no Amor daquele que nos criou! Que nos quis e amou muito antes de sermos gerados! Ele nos conhece, sabe de nossas fraquezas! Sabe que não somos perfeitos! E nos ama!
Apenas pede para abrirmos as portas de nosso coração de par em par, e deixemos que lá, Ele faça morada... Para não desistirmos do Seu amor! Para O seguirmos continuamente! Ele vai nos curar durante a caminhada! De cada ferida cuidar, continuamente a nos amar!
Deixe-se amar por Aquele que muito te ama!
Que o Amor de Jesus se faça presente em nossas vidas, em nossos corações!

Zena
Maceió, 07/02/08

Evangelho do dia 26/07/2008

Salve Maria!

sábado, 26 de julho de 2008

Santo do Dia

SÃO JOAQUIM E SANTANA
Pais de Nossa Senhora
Memória, Cor Branca

Livro de Eclesiástico 44,1.10-15

Leitura do Livro do Eclesiástico:

1Vamos fazer o elogio dos homens famosos, nossos antepassados através das gerações. 10Estes são homens de misericórdia; seus gestos de bondade não serão esquecidos. 11Eles permanecem com seus descendentes; seus próprios netos são sua melhor herança. 12A descendência deles mantém-se fiel às alianças, 13e, graças a eles, também os seus filhos. Sua descendência permanece para sempre, e sua glória jamais se apagará. 14Seus corpos serão sepultados na paz e seu nome dura através das gerações. 15Os povos proclamarão a sua sabedoria, e a assembléia vai celebrar o seu louvor.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.

Livro de Salmos 132,11.13-14.17-18

- O Senhor vai dar-lhe o trono de seu pai, Davi.
- O Senhor vai dar-lhe o trono de seu pai, Davi.
- O Senhor fez a Davi um juramento, uma promessa que jamais renegará: "Um herdeiro que é fruto do teu ventre colocarei sobre o trono em teu lugar!"
- O Senhor vai dar-lhe o trono de seu pai, Davi.
- Pois o Senhor quis para si Jerusalém e a desejou para que fosse sua morada: "Eis o lugar do meu repouso para sempre, eu fico aqui: este é o lugar que preferi!"
- O Senhor vai dar-lhe o trono de seu pai, Davi.
- "De Davi farei brotar um forte herdeiro, acenderei ao meu ungido uma lâmpada. Cobrirei de confusão seus inimigos, mas sobre ele brilhará minha coroa!"
- O Senhor vai dar-lhe o trono de seu pai, Davi.
- O Senhor vai dar-lhe o trono de seu pai, Davi.
- O Senhor vai dar-lhe o trono de seu pai, Davi.



Evangelho de Jesus Cristo segundo S. Mateus 13,16-17

Aclamação (Lc 2,25c)
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Esperavam estes pais a redenção de Israel,/ e o Espírito do Senhor estava sobre eles.
- Aleluia, aleluia, aleluia.

- O Senhor esteja convosco.
- Ele está no meio de nós.
- Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Mateus.


Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: 16"Felizes sois vós, porque vossos olhos vêem e vossos ouvidos ouvem. 17Em verdade vos digo, muitos profetas e justos desejavam ver o que vedes, e não viram, desejavam ouvir o que ouvis, e não ouviram".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

sexta-feira, 25 de julho de 2008

Evangelho do dia 25/07/2008

Salve Maria!

sexta-feira, 25 de julho de 2008

Santo do Dia

SÃO TIAGO MAIOR, APÓSTOLO
FESTA (Glória, Prefácio dos Apóstolos, Cor Vermelha)
S. Cristóvão, mártir, séc. III

2ª Carta aos Coríntios 4,7-15

Leitura da Segunda Carta de São Paulo aos Coríntios:

Irmãos, 7trazemos esse tesouro em vasos de barro, para que todos reconheçam que este poder extraordinário vem de Deus e não de nós.
8Somos afligidos de todos os lados, mas não vencidos pela angústia; postos entre os maiores apuros, mas sem perder a esperança; 9perseguidos, mas não desamparados; derrubados, mas não aniquilados; 10por toda a parte e sempre levamos em nós mesmos os sofrimentos mortais de Jesus, para que também a vida de Jesus seja manifestada em nossos corpos.
11De fato, nós, os vivos, somos continuamente entregues à morte, por causa de Jesus, para que também a vida de Jesus seja manifestada em nossa natureza mortal. 12Assim, a morte age em nós, enquanto a vida age em vós. 13Mas, sustentados pelo mesmo espírito de fé, conforme o que está escrito: "Eu creio e, por isso, falei", nós também cremos e, por isso, falamos, 14certos de que aquele que ressuscitou o Senhor Jesus nos ressuscitará também com Jesus e nos colocará ao seu lado, juntamente convosco. 15E tudo isso é por causa de vós, para que a abundância da graça em um número maior de pessoas faça crescer a ação de graças para a glória de Deus.

- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.

Livro de Salmos 126(125),1-6

- Os que lançam as sementes entre lágrimas, ceifarão com alegria.
- Os que lançam as sementes entre lágrimas, ceifarão com alegria.
- Quando o Senhor reconduziu nossos cativos, parecíamos sonhar; encheu-se de sorriso nossa boca, nossos lábios de canções.
- Os que lançam as sementes entre lágrimas, ceifarão com alegria.
- Entre os gentios se dizia: "Maravilhas fez com eles o Senhor!" Sim, maravilhas fez conosco o Senhor, exultemos de alegria!
- Os que lançam as sementes entre lágrimas, ceifarão com alegria.
- Mudai nossa sorte, ó Senhor, como torrentes no deserto. Os que lançam as sementes entre lágrimas, ceifarão com alegria.
- Os que lançam as sementes entre lágrimas, ceifarão com alegria.
- Chorando de tristeza sairão, espalhando suas sementes; cantando de alegria voltarão, carregando os seus feixes!
- Os que lançam as sementes entre lágrimas, ceifarão com alegria.

Evangelho de Jesus Cristo segundo S. Mateus 20,20-28

Aclamação (Jo 15,16)
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- Eu vos designei, para que vades e deis frutos,/ e o vosso fruto permaneça, assim disse o Senhor.
- Aleluia, aleluia, aleluia.
- O Senhor esteja convosco.
- Ele está no meio de nós.
- Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Mateus.
- Glória a vós, Senhor.

20Naquele tempo, a mãe dos filhos de Zebedeu aproximou-se de Jesus com seus filhos e ajoelhou-se com a intenção de fazer um pedido. 21Jesus perguntou: "O que tu queres?" Ela respondeu: "Manda que estes meus dois filhos se sentem, no teu Reino, um à tua direita e outro à tua esquerda".
22Jesus, então, respondeu-lhes: "Não sabeis o que estais pedindo. Por acaso podeis beber o cálice que eu vou beber?" Eles responderam: "Podemos". 23Então Jesus lhes disse: "De fato, vós bebereis do meu cálice, mas não depende de mim conceder o lugar à minha direita ou à minha esquerda. Meu Pai é que dará esses lugares àqueles para os quais ele os preparou".
24Quando os outros dez discípulos ouviram isso, ficaram irritados contra os dois irmãos. 25Jesus, porém, chamou-os e disse: "Vós sabeis que os chefes das nações têm poder sobre elas e os grandes as oprimem. 26Entre vós não deverá ser assim. Quem quiser tornar-se grande, torne-se vosso servidor; 27quem quiser ser o primeiro, seja vosso servo. 28Pois, o Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida como resgate em favor de muitos".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

Você tem medo do silêncio? Por quê?


Sexta-Feira, 25 de Julho 2008

Todos nós precisamos de momentos de silêncio, para nos encontrarmos com nós mesmos, com a nossa verdade, para descobrimos e conhecermos a nós mesmos. Precisamos conviver conosco para nos conhecermos. Às vezes ficamos surpresos com certas atitudes nossas, mas isso significa que falta um auto-conhecimento.

Quanto mais eu me conheço, mais autêntica e original eu vou me tornando. Não podemos ter medo da nossa verdade, porque aquele que nos conhece profundamente e sabe quem somos acolhe-nos do jeito que somos: Jesus, que veio ao mundo para iluminar a nossa vida.

"Deus é luz e n'Ele não há treva alguma" (I Jo, 5).

Rezemos hoje assim: Senhor, prende-me no teu silêncio, longe dos rumores e das agitações do mundo. Em um silêncio no qual o meu ser se encontre na sua verdade, na sua nudez, na sua miséria, para que este silêncio me permita descobrir a mim mesmo.


Jesus, eu confio em Vós!

quinta-feira, 24 de julho de 2008


Quanto mais pensamos na dor que nos incomoda, mais ela dói.
Quanto mais pensamos na solidão que nos machuca, mais ela nos destrói.
Quanto mais pensamos na nossa pequenez, mais nos sentimos diminuídos.
As soluções para nossos problemas nos parecem tão irreais quanto os contos mais fantásticos. Damos demasiada importância a nós mesmos e aos nossos problemas, como se fôssemos o centro do universo.
Mas se olhamos ao nosso redor e começamos a abrir nosso coração,
percebemos que o mundo está cheio de pessoas doloridas, pequenininhas e diminuídas.
Pessoas para as quais a vida parece sem piedade, pessoas que carecem,
talvez não de alimento, mas de afeto.
Dói muito mais e mais tempo um coração solitário que um estômago vazio.

A generosidade tomou, em nossos dias, formas materiais.
Considera-se mais generoso quem tem mais dinheiro para oferecer.
Isso torna as pessoas vaidosas. Mas, muito mais que mãos generosas,
Deus aprecia corações generosos. Aqueles que não medem esforços,
os que fazem algo não para que o mundo veja,
mas para que este mesmo mundo seja mais completo.
As pessoas mais serenas e mais queridas de Deus são aquelas que oferecem o coração como presente.
(Leticia Thompson)

Enviado por Carlinha (Carla Coimbra - Maceió)

Evangelho do dia 24/07/2008

Salve Maria!

quinta-feira, 24 de julho de 2008

Santo do Dia

XVI SEMANA DO TEMPO COMUM
Hoje a Igreja celebra : Santa Cristina, a Admirável, religiosa, +1224
S. Charbel (Sarbélio) Makhluf, presbítero, +1898
Beato João Soreth, presbítero, +1471

Livro de Jeremias 2,1-3.7-8.12-13

Leitura do Livro do Profeta Jeremias:

1A palavra do Senhor foi-me dirigida, dizendo: 2"Vai e grita aos ouvidos de Jerusalém. Isto diz o Senhor: Lembro-me de ti, da afeição da jovem, do amor da noiva, de quando me seguias no deserto, numa terra inculta. 3Israel, consagrado ao Senhor, era como as primícias de sua colheita; todos os que dele comiam, pecavam; males caíam sobre eles", diz o Senhor. 7"Eu vos introduzi numa terra de pomares, para que gozásseis de seus melhores produtos, mas, apenas chegados, contaminastes o país e tornastes abominável minha herança. 8Os sacerdotes nem perguntaram onde está o Senhor. Os versados na Lei não me reconheceram, e os chefes do povo voltaram-me as costas, os profetas profetizaram em nome de Baal e correram atrás de coisas que para nada servem. 12Ó céus, espantai-vos diante disso, enchei-vos de grande horror", diz o Senhor. 13"Dois pecados cometeu meu povo: abandonou-me a mim, fonte de água viva, e preferiu cavar cisternas, cisternas defeituosas que não podem reter água".


- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.


Livro de Salmos 36(35),6-7.8-9.10-11

- Em vós está a fonte da vida, ó Senhor!
- Em vós está a fonte da vida, ó Senhor!
- Vosso amor chega aos céus, ó Senhor, chega às nuvens a vossa verdade. Como as altas montanhas eternas é a vossa justiça, Senhor.
- Em vós está a fonte da vida, ó Senhor!
- Quão preciosa é, Senhor, vossa graça! Eis que os filhos dos homens se abrigam sob a sombra das asas de Deus. Na abundância de vossa morada, eles vêm saciar-se de bens. Vós lhes dais de beber água viva, na torrente das vossas delícias.
- Em vós está a fonte da vida, ó Senhor!
- Pois em vós está a fonte da vida, e em vossa luz contemplamos a luz. Conservai aos fiéis vossa graça, e aos retos, a vossa justiça!
- Em vós está a fonte da vida, ó Senhor!

Evangelho de Jesus Cristo segundo S. Mateus 13,10-17

Aclamação (Mt 11,25)
- Aleluia, Aleluia, Aleluia.
- Aleluia, Aleluia, Aleluia.
- Graças te dou, ó Pai, Senhor do céu e da terra,/ pois revelaste os mistérios do teu Reino/ aos pequeninos, escondendo-os aos doutores!
- Aleluia, Aleluia, Aleluia.


- O Senhor esteja convosco.
- Ele está no meio de nós.
- Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Mateus.
- Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 10os discípulos aproximaram-se e disseram a Jesus: "Por que tu falas ao povo em parábolas?" 11Jesus respondeu: "Porque a vós foi dado o conhecimento dos mistérios do Reino dos Céus, mas a eles não é dado. 12Pois à pessoa que tem, será dado ainda mais, e terá em abundância; à pessoa que não tem, será tirado até o pouco que tem. 13É por isso que eu lhes falo em parábolas: porque olhando, eles não vêem, e ouvindo, eles não escutam, nem compreendem. 14Deste modo se cumpre neles a profecia de Isaías: Havereis de ouvir, sem nada entender. Havereis de olhar, sem nada ver. 15Porque o coração deste povo se tornou insensível. Eles ouviram com má vontade e fecharam seus olhos, para não ver com os olhos nem ouvir com os ouvidos, nem compreender com o coração, de modo que se convertam e eu os cure. 16Felizes sois vós, porque vossos olhos vêem e vossos ouvidos ouvem. 17Em verdade vos digo, muitos profetas e justos desejaram ver o que vedes, e não ouviram, desejaram ouvir o que ouvis, e não ouviram".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.