segunda-feira, 31 de agosto de 2009

PARA EVITAR TRAIÇÃO

Ingredientes
1 figa bem pequena
1 correntinha

Como fazer:
Pegue a figa vá até uma igreja e mergulhe-a na água benta, depois coloque-a na correntinha e use no pescoço, de modo que ela fique por dentro da roupa.
Atenção: Nunca deixe ninguém tocá-la. Se isso acontecer, lave-a com água benta novamente.

PARA CURAR PAIXÃO NÃO CORRESPONDIDA

Ingredientes
1 chocalho de cobra cascavel (encontrada em casas de artigos religiosos)
1 pedaço de tecido vermelho


Como fazer:
Pegue o chocalho embrulhe em um pano e coloque embaixo do seu travesseiro. Durante três noites antes de dormir, diga: “Quero que o veneno desta cobra atinja o meu coração e ajude a matar este amor que sinto dentro de mim”. No final deste prazo, jogue o chocalho no lixo.


PARA ESQUENTAR A VIDA SEXUAL

12 ovos de codorna
1 colher de sopa de açúcar mascavo
2 pitadas de cravo
2 pitadas de canela moída
2 flores de marcela secas.

Como fazer:
Em primeiro lugar, acredite, de coração que esta magia funciona de verdade. Faça uma gemada com todos esse ingredientes e tome antes de se deitar com seu amor. A força da gemada aumentará o seu prazer.

PARA ACABAR COM AS BRIGAS NO CASAMENTO



1 lápis
1 folha de papel rosa
1 Bíblia

Como fazer:
Na primeira quarta feira do mês, quando seu marido estiver indo para trabalho, vá com ele até a porta. Quando ele estiver sindo, feche a porta com a mão esquerda e bata três vezes na madeira. Se por acaso a porta for de ferro, bata no primeiro móvel que tiver a sua frente, depois, abra a Bíblia no salmo 91 e copie no papel. Coloque embaixo do colchão da sua cama de casal e deixe lá para sempre.

PARA SEU AMOR SER MAIS CARINHOSO

1 pedaço de papel virgem
1 caneta azul
7 grãos de pimenta do reino
1 pote de mel
1 pano branco
1 xícara de chá

Como fazer:
Numa noite de lua cheia, escreva no papel o nome da pessoa amada com letras maiúsculas e, em seguida, escreva o seu nome abaixo. Coloque a pimenta bem no centro do papel e dobre formando um pacotinho. Mergulhe esse pacotinho no pote de mel e deixe tudo durante cinco horas sob a luz do luar. Chame seu amor e lhe dê a xícara de chá para beber, adoçado com esse mel. Guarde o pote de mel enrolado no pano branco num lugar onde ninguém veja para que você possa usar sempre que achar necessário.

PARA APRESSAR CASAMENTO

1 sabão em pedra
1 lata qualquer
1 vassoura

Como fazer:
Derreta o sabão na lata, usando fogo baixo, quando estiver totalmente derretido, mergulhe a vassoura nele até atingir a altura de um centímetro. Quando seu namorado for visitá-la, na hora em que ele sair, varra nove vezes com a vassoura os lugares por onde ele passou, fazendo o seu pedido. Depois, jogue tudo o que usou na simpatia num terreno baldio.

PARA CONSEGUIR UMA CONQUISTA DIFICIL

1 pedaço de favo de mel
1 garrafa de vinho
7 cascas de maçã

Como fazer:
Numa noite de lua crescente, amasse o favo de mel e coloque a pasta dentro da garrafa de vinho. Enterre a garrafa por sete dias aos pés de uma árvore ou dentro de uma vaso de plantas. Vencido este prazo, retire a garrafa de onde enterrou e coloque dentro dela as cascas de maçã. Coe a mistura. Reúna uma turma de amigos,chamando o seu amado também, e sirva este vinho para eles. O que sobrar, enterre novamente com a garrafa no mesmo lugar em que estava antes.

PARA SEU AMADO SER FIEL

Ingredientes
1 gomo de bambu
1 cálice de mel
1 estrela do mar (encontrada em casas de produto religioso)
1 vela amarela
1 imagem de Santo Antonio

Como fazer:
No dia 13 de qualquer mês, encha o gomo de bambu com o mel e mergulhe nele a estrela do mar. Coloque o gomo de pé, em frente a imagem de Santo Antonio, acendendo a vela ao lado e mentalizando que o seu amor nunca será infiel. Apague a vela. Repita esse ritual por mais três meses, sempre no dia 13. Na ultima vez em que for fazer a simpatia, coloque o pedaço de bambu na porta de uma igreja de Santo Antonio, junto com a imagem do santo e deixe a vela queimando até o fim. Reze um Pai Nosso e saia do lugar sem olhar para trás.


PARA TER SEU EX-AMOR DE VOLTA

6 litros de água
1 punhado de açúcar
1 punhado de mel
1 punhado de pétalas de rosas
Roupa clara
Perfume de lavanda

Como fazer:
Durante três domingos seguidos ante de sair de casa, pegue três litros de água. Deixe ferver e desligue o fogo. Acrescente o mel e o açúcar e reserve. Numa vasilha separada, ferva mais três litros de água, desligue o fogo e acrescente as pétalas. Depois, vá para o banheiro e jogue a água açucarada e, em seguida, outro banho com as pétalas. Vista a roupa e use o perfume.

PARA ARRANJAR UM NAMORADO


Ingredientes
1 vidro de águas de rosas
3 gotas de essência de patchuli
1 vela vermelha em forma de coração

Como fazer:
Escreva de um lado da vela o seu nome e passe um pouco de água de rosas. Do outro lado, pingue as gotas de patchuli. Acenda a vela em um lugar onde ninguém possa ver e deixe queimar até o fim. Enquanto ela queima, faça o pedido ao seu anjo d guarda.os restos da vela, enterre num vaso com flor.

PARA ACABAR COM CIÚME

Ingredientes
1 cristal de quartzo rosa
1 incenso de mirra
1 vela com essência de lavanda
3 folhas de alface
1 prato branco virgem
1 rosa branca
1 copo com água


Como fazer:
Entre em contato com seu anjo da guarda e monte um altar pequeno para ele, usando o cristal, o incenso, a rosa o copo e a vela. Ajoelhe-se , coloque o alface no prato, acenda a vela e o incenso e converse com seu anjo guardião, pedindo que mantenha todas as pessoas que possam prejudicar seu romance bem longe e que afaste o ciúme de vocês. Deixe a vela queimar por 40 minutos e apague-a depois. Coloque a alface num lugar em que um passarinho possa comê-la. Os restos da vela, jogue no lixo e, as cinzas do incenso, sopre-as ao vento. Sempre que você achar necessário, repita este ritual com muita fé e esperança.

PARA TER SORTE NO AMOR

ingredientes
4 pedaços de papel branco virgem

Como fazer:
Escreva em caa pedaço o nome do seu amado, e distribua para suas amigas. Quando terminar de entregar os papéis, escreva na sola de seu pé esquerdo o nome dele. Aperte com bastante força o pé no chão, dizendo três vezes: “Debaixo do meu pé eu te prendo (dizer o nome da pessoa). Eu te amarro (dizer o nome da pessoa), eu te mantenho (dizer o nome da pessoa), pelo poder das treze almas benditas”. O sonho que você tiver nesta noite não deve ser revelado a ninguém.

Para ser feliz no romance

Ingredientes
1 foto do casal
1 caixa de madeira
1 lenço vermelho

Como fazer:
Numa segunda feira ao nascer do sol, coloque a foto na janela, bem de frente pra onde o sol nasce. Assim que ele surgir, cubra a foto com o lenço e guarde na caixa. Repita a simpatia todos os dias da semana, até a sexta feira. Depois guarde essa foto embrulhada no lenço, num lugar onde nimguem mexa. A caixa, dê de presente para um casal que seja muito unido.

Para viver um grande amor

Ingredientes
3 cravos brancos
1 pedaço de fita de cetim branco
1 botão de rosa branco
3 litros de água

Como fazer:
Coloque a água para ferver e quando estiver borbulhando jogue os cravos na panela e deixe ferver mais 3 minutos. Espere esfriar, tome o seu banho normal e jogue o preparado do pescoço para baixo. Em seguida vista-se totalmente de branco, saia e amarre a fita na rosa e deposite numa praça perto de casa. Saia do local sem olhar para trás. O resto dos cravos, jogue em qualquer lixo.

PARA AMARRAR A PESSOA AMADA


Ingredientes
1 foto do seu amado
3 dentes de alho
1 pedaço de fita vermelha
1 peça  de roupa intima
1 caixa
Como fazer:
Antes de dormir, pegue todos os ingredientes e coloque debaixo do travesseiro. No dia seguinte, ponha os ingredientes dentro da caixa, guarde em um lugar que só você possa mexer e deixe lá sem avisar a ninguém.

Um dia repleto de sabedoria, alegria e de paz!

fonte: Luzia Santiago

mensagem_240709“A sabedoria inspira a vida a seus filhos e acolhe os que a procuram” (Eclesiástico 4, 12)
Em meio às diversas circunstâncias da vida, muitas das quais querem nos roubar a tranquilidade e nos afundar em precipitações e atitudes desesperadas, Jesus nos convida para trilhar um caminho novo: o caminho da sabedoria.
A sabedoria divina nos garante agir não por impulso de sentimentos, que traem e confundem a nossa liberdade de filhos de Deus, mas movidos para a verdade e a fé, as quais nos impulsionam a decidir pelo bem e a nos deixar guiar pela voz de Deus. A sabedoria endireita as veredas e abre novos horizontes.
“Quem a adquirir, herdará a glória. Onde ela entrar, Deus abençoará” (Eclesiástico 4, 14).
Neste dia de hoje, em cada situação vivida, peçamos ao Espírito Santo que sejamos conduzidos por essa virtude [sabedoria], sem nos deixarmos dominar por nada mais. Que possamos seguir as inspirações de Deus, suscitadas pelo sopro do Espírito Santo Paráclito, para que o nosso dia seja repleto de sabedoria, alegria e de paz!
Jesus, eu confio em Vós!

domingo, 30 de agosto de 2009

Evangelho do dia 30/08/2009

Evangelho (Marcos 7,1-8.14-15.21-23)
Domingo, 30 de Agosto de 2009
22º Domingo do Tempo Comum

— O Senhor esteja convosco!
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo, + segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor!

Naquele tempo, 1os fariseus e alguns mestres da Lei vieram de Jerusalém e se reuniram em torno de Jesus. 2Eles viam que alguns dos seus discípulos comiam o pão com as mãos impuras, isto é, sem as terem lavado. 3Com efeito, os fariseus e todos os judeus só comem depois de lavar bem as mãos, seguindo a tradição recebida dos antigos. 4Ao voltar da praça, eles não comem sem tomar banho. E seguem muitos outros costumes que receberam por tradição: a maneira certa de lavar copos, jarras e vasilhas de cobre.
5Os fariseus e os mestres da Lei perguntaram então a Jesus: “Por que os teus discípulos não seguem a tradição dos antigos, mas comem o pão sem lavar as mãos?”
6Jesus respondeu: “Bem profetizou Isaías a vosso respeito, hipócritas, como está escrito: ‘Este povo me honra com os lábios, mas seu coração está longe de mim. 7De nada adianta o culto que me prestam, pois as doutrinas que ensinam são preceitos humanos’. 8Vós abandonais o mandamento de Deus para seguir a tradição dos homens”.
14Em seguida, Jesus chamou a multidão para perto de si e disse: “Escutai, todos, e compreendei: 15o que torna impuro o homem não é o que entra nele vindo de fora, mas o que sai do seu interior. 21Pois é de dentro do coração humano que saem as más intenções, imoralidades, roubos, assassínios, 22adultérios, ambições desmedidas, maldades, fraudes, devassidão, inveja, calúnia, orgulho, falta de juízo. 23Todas estas coisas más saem de dentro, e são elas que tornam impuro o homem”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

sábado, 29 de agosto de 2009

Qual o caminho que devemos percorrer?

Fonte: Luzia Santiago

mensagem_2207091
Como é bom estar sempre perto de quem amamos, falar sobre a nossa vida sem nenhuma reserva e gastar tempo com essa pessoa sem outras preocupações. Este era o amor de Maria Madalena para com Jesus e deve ser o nosso também. Hoje a Igreja lembra essa grande santa e, com isso, aponta-nos o caminho que devemos percorrer: o caminho do amor apaixonado por Nosso Senhor Jesus Cristo, que nos impulsiona a buscar as coisas do alto e a viver com nobreza de alma e de coração, porque no amor a Deus encontramos a nossa força e o verdadeiro sentido para a nossa vida.
Busquemos hoje o Senhor com todo o nosso coração porque Ele se deixa encontrar pelos que O buscam.
“Buscai ao Senhor, já que Ele se deixa encontrar” (Isaías 55,6a).
Jesus, eu confio em Vós!

Evangelho do dia 29/08/2009

Evangelho (Marcos 6,17-29)
Sábado, 29 de Agosto de 2009
Martírio de São João Batista

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor!

Naquele tempo, 17Herodes tinha mandado prender João, e colocá-lo acorrentado na prisão. Fez isso por causa de Hero­díades, mulher de seu irmão Filipe, com quem se tinha casado. 18João dizia a Herodes: “Não te é permitido ficar com a mulher do teu irmão”. 19Por isso Herodíades o odiava e queria matá-lo, mas não podia. 20Com efeito, Herodes tinha medo de João, pois sabia que ele era justo e santo, e por isso o protegia. Gostava de ouvi-lo, embora ficasse embaraçado quando o escutava.
21Finalmente, chegou o dia oportuno. Era o aniversário de Herodes, e ele fez um grande banquete para os grandes da corte, os oficiais e os cidadãos importantes da Galileia. 22A filha de Herodíades entrou e dançou, agradando a Herodes e seus convidados. Então o rei disse à moça: “Pede-me o que quiseres e eu to darei”. 23E lhe jurou dizendo: “Eu te darei qualquer coisa que me pedires, ainda que seja a metade do meu reino”.
24Ela saiu e perguntou à mãe: “O que vou pedir?” A mãe respondeu: “A cabeça de João Batista”. 25E, voltando depressa para junto do rei, pediu: “Quero que me dês agora, num prato, a cabeça de João Batista”. 26O rei ficou muito triste, mas não pôde recusar. Ele tinha feito o juramento diante dos convidados. 27Imediatamente, o rei mandou que um soldado fosse buscar a cabeça de João.
O soldado saiu, degolou-o na prisão, 28trouxe a cabeça num prato e a deu à moça. Ela a entregou à sua mãe. 29Ao saberem disso, os discípulos de João foram lá, levaram o cadáver e o sepultaram.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Vamos ser santos hoje?

luziacn 

Fonte: Luzia Santiago
Geralmente imaginamos que o santo seja um ser do outro mundo. Mas é nos fatos simples da vida cotidiana que nos tornamos santos. Por essa razão, fiquemos atentos como nos comportamos no dia a dia.
Você pode se perguntar: Eu sou uma pessoa autêntica? Da mesma forma que ajo quando estou diante das pessoas, ajo quando estou sozinho? A minha intenção em ajudar o próximo é reta ou quero me beneficiar de alguma forma? Trato as pessoas do mesmo modo que eu gostaria de ser tratado ou só penso em mim mesmo? Tenho o hábito de falar a verdade ou vivo sempre com mentiras no bolso? E por aí deve seguir o nosso questionamento.
Procedamos hoje como verdadeiros filhos de Deus meditando com a ajuda dessa passagem bíblica: “Outrora éreis trevas, mas agora sois luz no Senhor: comportai-vos como verdadeiras luzes. Ora o fruto da luz é bondade, justiça e verdade” (Efésios 5,8-9).
Senhor, dá-nos a graça de vivermos a santidade própria deste dia.
Jesus, eu confio em Vós!

São Zeferino

26 de Agosto

São Zeferino Neste dia celebramos a vida de santidade do Papa São Zeferino que no amor de pastor chefiou com o Espírito Santo a Igreja de Cristo. Zeferino era romano, filho de Abôndio e assumiu no século II a Cátedra de Pedro, num período de grande perseguição para os cristãos, tanto assim que os seus treze predecessores morreram todos mártires.

O que mais abalava a Igreja não eram as perseguições e massacres, mas sim as heresias que foram surgindo conjuntamente à tentativa de elaborar as Revelações com dados puramente filosóficos. Os gnósticos chegavam a negar a divindade de Cristo; Teodoro subordinou de tal forma Cristo ao Pai que fez dele uma simples criatura e Montano profetizava e pregava sobre o fim do mundo a partir da consciência de ser a revelação do Espírito Santo.

Diante de todas as agitações, São Zeferino, mesmo não sendo um teólogo e nem escritor, soube com o bom senso e a ajuda do Espírito Santo unir-se a grande sábios da ortodoxia da época, como Santo Irineu, Hipólito e Tertuliano, a fim de livrar os cristãos da mentira e rigorismos. São Zeferino foi martirizado e entrou na Igreja Triunfante no ano de 217.


São Zeferino...rogai por nós!

Evangelho do dia 26/08/2009


Evangelho (Mateus 23,27-32)
Quarta-Feira, 26 de Agosto de 2009
Formulário do 21° Domingo Comum



— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus: 27“Ai de vós, mestres da Lei e fariseus hipócritas! Vós sois como sepulcros caiados: por fora parecem belos, mas por dentro estão cheios de ossos de mortos e de toda podridão! 28Assim também vós: por fora, pareceis justos diante dos outros, mas por dentro estais cheios de hipocrisia e injustiça.
29Ai de vós, mestres da Lei e fariseus hipócritas! Vós construís sepulcros para os profetas e enfeitais os túmulos dos justos, 30e dizeis: ‘Se tivéssemos vivido no tempo de nossos pais, não teríamos sido cúmplices da morte dos profetas’. 31Com isso, con­fessais que sois filhos daqueles que mataram os profetas. 32Com­pletai, pois, a medida de vossos pais!”


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Evangelho do dia 25/08/2009


Evangelho (Mateus 23,23-26)
Terça-Feira, 25 de Agosto de 2009
21ª Semana Comum



— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus: 23Ai de vós, mestres da Lei e fariseus hipócritas! Vós pagais o dízimo da hortelã, da erva-doce e do cominho, e deixais de lado os ensinamentos mais importantes da Lei, como a justiça, a misericórdia e a fidelidade. Vós deveríeis praticar isto, sem contudo deixar aquilo.
24Guias cegos! Vós filtrais o mosquito, mas engolis o camelo. 25Ai de vós, mestres da Lei e fariseus hipócritas! Vós limpais o copo e o prato por fora, mas, por dentro, estais cheios de roubo e cobiça. 26Fariseu cego! Limpa primeiro o copo por dentro, para que também por fora fique limpo.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Você tem medo do silêncio? Por quê?

mensagem_170709
Fonte: Luzia Santiago
Todos nós precisamos de momentos de silêncio para nos encontrarmos com nós mesmos, com a nossa verdade; para descobrimos e conhecermos a nós mesmos. Precisamos conviver conosco para nos conhecermos. Às vezes, ficamos surpresos com certas atitudes nossas, mas isso significa que falta um autoconhecimento.
Quanto mais nos  conhecemos, mais autêntico e original vamos nos tornando. Não podemos ter medo da nossa verdade, porque aquele que nos conhece profundamente e sabe quem somos acolhe-nos do jeito que somos. Jesus veio ao mundo para iluminar a nossa vida.
“Deus é luz e n’Ele não há treva alguma” (I Jo, 5).
Rezemos, hoje, assim: Senhor, prende-me no Seu silêncio, longe dos rumores e das agitações do mundo. Em um silêncio no qual o meu ser se encontre na Sua verdade, na Sua nudez e miséria para que este silêncio me permita descobrir a mim mesmo.
Jesus, eu confio em Vós!

São Bartolomeu

24 de Agosto

São Bartolomeu Neste dia, festejamos a santidade de vida de São Bartolomeu, apóstolo de Nosso Senhor Jesus Cristo, que na Bíblia é citado com o nome de Natanael (que significa dom de Deus). Os três Evangelhos sinópticos chamam-lhe sempre Bartolomeu ou Bar-Talmay (filho de Talmay em aramaico). Nasceu em Caná da Galiléia, naquela pequena aldeia onde Jesus transformou a água em vinho.

Bartolomeu é modelo para quem quer se deixar conduzir pelo Senhor, pois, assim encontramos no Evangelho de São João: "Filipe vai ter com Natanael e lhe diz: 'É Jesus, o filho de José de Nazaré'". Depois de externar sua sinceridade e aproximar-se do Cristo, Bartolomeu ouviu dos lábios do Mestre a sua principal característica: "Eis um verdadeiro israelita no qual não há fingimento" (Jo 1,47).

Pertencente ao número dos doze, São Bartolomeu conviveu com Jesus no tempo da vida pública e pôde contemplar no dia-a-dia o conteúdo de sua própria profissão de fé: "Rabi, tu és o Filho de Deus, tu és o rei de Israel". Depois da Paixão, glorificação do Verbo e grande derramamento do Espírito Santo em Pentecostes, conta-nos a Tradição que o apóstolo Bartolomeu teria evangelizado na Índia, passado para a Armênia e, neste local conseguido a conversão do rei Polímio, da esposa e de muitas outras pessoas, isto até deparar-se com invejosos sacerdotes pagãos, os quais martirizaram o santo apóstolo, após o arrancarem a pele, mas não o Céu, pois perseverou até o fim.


São Bartolomeu, rogai por nós!

Evangelho do dia 24/08/2009

Evangelho (João 1,45-51)
Segunda-Feira, 24 de Agosto de 2009
São Bartolomeu



— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.
— Glória a vós, Senhor.

45Filipe encontrou-se com Natanael e lhe disse: “Encontramos aquele de quem Moisés escreveu na Lei, e também os profetas: Jesus de Nazaré, o filho de José”.
46Natanael disse: “De Nazaré pode sair coisa boa?” Filipe respondeu: “Vem ver!” 47Jesus viu Natanael que vinha para ele e comentou: “Aí vem um israelita de verdade, um homem sem falsidade”. 48Natanael perguntou: “De onde me conheces?” Jesus respondeu: “Antes que Filipe te chamasse, enquanto estavas debaixo da figueira, eu te vi”. 49Natanael respondeu: “Rabi, tu és o Filho de Deus, tu és o Rei de Israel”.
50Jesus disse: “Tu crês porque te disse: Eu te vi debaixo da figueira? Coisas maiores que esta verás!” 51E Jesus continuou: “Em verdade, em verdade eu vos digo: Vereis o céu aberto e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o Filho do Homem”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

Evangelho do dia 23/08/2009


Evangelho (João 6,60-69)
Domingo, 23 de Agosto de 2009
21º Domingo do Tempo Comum

— O Senhor esteja convosco!
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo, + segundo João.
— Glória a vós, Senhor!

Naquele tempo, 60muitos dos discípulos de Jesus, que o escutaram, disseram: “Esta palavra é dura. Quem consegue escutá-la?”
61Sabendo que seus discípulos estavam murmurando por causa disso mesmo, Jesus perguntou: “Isto vos escandaliza? 62E quando virdes o Filho do Homem subindo para onde estava antes? 63O Espírito é que dá vida, a carne não adianta nada. As palavras que vos falei são espírito e vida. 64Mas entre vós há alguns que não crêem”.
Jesus sabia, desde o início, quem eram os que não tinham fé e quem havia de entregá-lo.
65E acrescentou: “É por isso que vos disse: ninguém pode vir a mim, a não ser que lhe seja concedido pelo Pai”.
66A partir daquele momento, muitos discípulos voltaram atrás e não andavam mais com ele.
67Então, Jesus disse aos doze: “Vós também vos quereis ir embora?”
68Simão Pedro respondeu: “A quem iremos, Senhor? Tu tens palavras de vida eterna. 69Nós cremos firmemente e reconhecemos que tu és o Santo de Deus”.

domingo, 23 de agosto de 2009

Gostaria de um conselho para o dia de hoje?

mensagem_160709
Fonte: Luzia Santiago
Um conselho de São Francisco de Sales que poderá nos valer para o dia inteiro:
”Preparai desde a manhã a vossa alma para a tranquilidade; tende durante todo o dia grande cuidado de a chamar de volta para ela frequentemente e de retomá-la em vossa mão. Se vos sucede algum ato de agastamento e mau humor, não vos atemorizeis, não vos amofineis absolutamente, mas tendo-o reconhecido, humilhai-vos docemente diante de Deus e tratai de repor o vosso espírito em postura de suavidade.
Dizei a vossa alma: ora, pois, demos um passo em falso; vamos de mansinho agora, e com muita vigilância. E todas as vezes que recairdes, agi do mesmo modo.”
Reergamos o nosso coração quando ele cair, com muita brandura. Humilhemo-nos com coração sincero diante de Deus pelo conhecimento da nossa fraqueza. Não nos espantemos das nossas quedas, pois não podemos nos esquecer de toda a nossa miséria e mesquinhez humana, mas detestemos magoar o coração de Deus.
Com coragem e confiança na sua divina misericórdia, retomemos no caminho do bem. Senhor, dai-nos valentia e fé, para levantarmos de toda a queda. Dai-nos paciência e compreensão conosco mesmos e com aqueles que caírem.
Jesus, eu confio em Vós!

Santa Rosa de Lima

23 de Agosto

Santa Rosa de Lima Para todos nós, hoje é dia de grande alegria, pois podemos celebrar a memória da primeira santa da América do Sul, Padroeira do Peru, das Ilhas Filipinas e de toda a América Latina. Santa Rosa nasceu em Lima (Peru) em 1586; filha de pais espanhóis, chamava-se Isabel Flores, até ser apelidada de Rosa por uma empregada índia que a admirava, dizendo-lhe: "Você é bonita como uma rosa!".

Rosa bem sabia dos elogios que a envaideciam, por isso buscava ser cada vez mais penitente e obedecer em tudo aos pais, desta forma, crescia na humildade e na intimidade com o amado Jesus. Quando o pai perdeu toda a fortuna, Rosa não se perturbou ao ter que trabalhar de doméstica, pois tinha esta certeza: "Se os homens soubessem o que é viver em graça, não se assustariam com nenhum sofrimento e padeceriam de bom grado qualquer pena, porque a graça é fruto da paciência".

A mudança oficial do nome de Isabel para Rosa ocorreu quando ela tomou o hábito da Ordem Terceira Dominicana, da mesma família de sua santa e modelo de devoção: Santa Catarina de Sena e, a partir desta consagração, passou a chamar-se Rosa de Santa Maria. Devido à ausência de convento no local em que vivia, Santa Rosa de Lima renunciou às inúmeras propostas de casamento e de vida fácil: "O prazer e a felicidade de que o mundo pode me oferecer são simplesmente uma sombra em comparação ao que sinto".

Começou a viver a vida religiosa no fundo do quintal dos pais e, assim, na oração, penitência, caridade para com todos, principalmente índios e negros, Santa Rosa de Lima cresceu na união com Cristo, tanto quanto no sofrimento, por isso, tempos antes de morrer, aos 31 anos (1617), exclamou: "Senhor, fazei-me sofrer, contanto que aumenteis meu amor para convosco".

Foi canonizada a 12 de Abril de 1671 pelo Papa Clemente X.

Santa Rosa de Lima, rogai por nós!

sábado, 22 de agosto de 2009

O que é essencial em sua vida?

mensagem_150709 Fonte: Luzia Santiago
Quando aprendemos a fazer a vontade de Deus em nossas vidas, tudo se torna muito simples, porque Deus é simples. Vivemos sempre em grandes conflitos, porque a nossa vontade está sempre à frente da vontade divina.
É sinal de humildade deixar o Senhor conduzir o barco da nossa vida, porque sozinhos nós não podemos nada. Há pessoas que têm medo da vontade divina por acharem que vão perder a liberdade. Contudo, é bem o contrário disso: quanto mais nos entregamos ao Altíssimo, tanto mais gozamos de uma profunda liberdade, porque o Senhor nos fez livres. Ao passo que quando fazemos tudo pela nossa cabeça, a vida se complica e as tensões crescem, porque entramos por caminhos tortuosos e nem sempre sabemos como sair deles.
Deus só nos pede coisas essenciais, porque Ele só nos dá coisas essenciais; e o essencial conduz-nos à plena liberdade de filhos do Todo-poderoso.
Aprendamos com nossa Senhora a nos colocarmos nas mãos do Senhor sem medo e sem reservas.
“Maria, então disse: Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra! (Lucas 1,38).
Jesus, eu confio em Vós!

Evangelho do dia 22/08/2009

Sábado, 22 de Agosto de 2009
Nossa Senhora Rainha



— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 26o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia, chamada Nazaré, 27a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José. Ele era descendente de Davi e o nome da Virgem era Maria.
28O anjo entrou onde ela estava e disse: “Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!” 29Maria ficou perturbada com estas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação.
30O anjo, então, disse-lhe: “Não tenhas medo, Maria, porque encontraste graça diante de Deus. 31Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus. 32Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi. 33Ele reinará para sempre sobre os descendentes de Jacó, e o seu reino não terá fim”.
34Maria perguntou ao anjo: “Como acontecerá isso, se eu não conheço homem algum?” 35O anjo respondeu: “O Espírito virá sobre ti, e o poder do Al­tíssimo te cobrirá com sua sombra. Por isso, o menino que vai nascer será chamado Santo, Filho de Deus. 36Também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na velhice. Este já é o sexto mês daquela que era considerada estéril, 37porque para Deus nada é impossível”.
38Maria, então, disse: “Eis aqui a serva do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra!” E o anjo retirou-se.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Nossa felicidade depende da nossa resolução


mensagem_140709Fomos criados livres por Deus para vivermos na liberdade dos filhos d’Ele. Por essa razão, não podemos nos deixar escravizar por nada nem por ninguém.

Quanto mais acolhemos Jesus na nossa vida e tomamos a firme decisão a cada manhã que desperta de acolhê-Lo como Senhor da nossa vida, tanto mais somos verdadeiramente felizes, porque n’Ele temos vida plena.

“Eu vim para que todos tenham vida e a tenham em abundância” (João 10,10).

A nossa felicidade depende da resolução que nós tomamos. Precisamos muito mais da graça de Deus do que da nossa sabedoria pessoal.

No Senhor depositemos a nossa confiança em todos os nossos empreendimentos porque “o homem propõe e Deus dispõe” (cf. Provérbios 16,9).

Oremos: Jesus, eu confio em Vós!

Evangelho do dia 21/08/2009


Sexta-Feira, 21 de Agosto de 2009
São Pio X

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 34os fariseus ouviram dizer que Jesus tinha feito calar os saduceus. Então eles se reuniram em grupo, 35e um deles perguntou a Jesus, para experimentá-lo: 36”Mestre, qual é o maior mandamento da Lei?” 37Jesus respondeu: “ ‘Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento!’ 38Esse é o maior e o primeiro mandamento. 39O segundo é semelhante a esse: ‘Amarás ao teu próximo como a ti mesmo’. 40Toda a Lei e os profetas dependem desses dois mandamentos”.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

São Pio X

21 de Agosto



São Pio XCelebramos hoje um Papa que mereceu ser reconhecido por santo, embora na humildade típica das almas abençoadas, José Sarto respondia àqueles que o chamavam de santo: "Não santo, mas Sarto". Nascido em 1835 ao norte da Itália e de família muito simples e religiosa, o pequeno José, com muito esforço e sacrifício conseguiu – com o apoio dos pais – estudar e entrar para o Seminário.

Com sua permanente autodefinição: "um pobre vigário da roça", José Sarto percorreu com simplicidade o caminho que o Espírito Santo traçou da responsabilidade de vigário de uma pequena aldeia até o Papado. Tomando o nome de Pio X, chamava a atenção pela modéstia e pobreza que o possibilitava à vivência da sua idéia-força: "Restaurar todas as coisas em Cristo".

São Pio X foi Papa de 1903 a 1914. Ocupado com a pastoral, São Pio X realizou reformas na liturgia, favoreceu a comunhão diária e a comunhão das crianças, sendo que no campo doutrinal rebateu por amor à Verdade o relativismo moderno. Sorridente, pai e pastor, São Pio X entrou no Céu com 79 anos, deixando para a Igreja o seu testemunho de pobreza, pois conta-se o fato, tomou dinheiro emprestado para comprar as passagens de ida e volta rumo ao conclave que o teria escolhido Papa, pois não acreditava num erro do Espírito Santo.


São Pio X, rogai por nós!

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Evangelho do dia 20/08/2009


Quinta-Feira, 20 de Agosto de 2009
São Bernardo

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 1Jesus voltou a falar em parábolas aos sumos sacerdotes e aos anciãos do povo, 2dizendo: “O Reino dos Céus é como a história do rei que preparou a festa de casamento do seu filho. 3E mandou seus empregados chamar os convidados para a festa, mas estes não quiseram vir.
4O rei mandou outros empregados, dizendo: ‘Dizei aos convidados: já preparei o banquete, os bois e os animais cevados já foram abatidos e tudo está pronto. Vinde para a festa!’ 5Mas os convidados não deram a menor atenção: um foi para o seu campo, outro para os seus negócios, 6outros agarraram os empregados, bateram neles e os mataram.
7O rei ficou indignado e mandou suas tropas, para matar aqueles assassinos e incendiar a cidade deles. 8Em seguida, o rei disse aos empregados: ‘A festa de casamento está pronta, mas os convidados não foram dignos dela. 9Portanto, ide às encruzilhadas dos caminhos e convidai para a festa todos os que encontrardes’.
10Então os empregados saíram pelos caminhos e reuniram todos os que encontraram, maus e bons. E a sala da festa ficou cheia de convidados. 11Quando o rei entrou para ver os convidados observou ali um homem que não estava usando traje de festa 12e perguntou-lhe: ‘Amigo, como entraste aqui sem o traje de festa?’ Mas o homem nada respondeu.
13Então o rei disse aos que serviam: ‘Amarrai os pés e as mãos desse homem e jogai-o fora, na escuridão! Ali haverá choro e ranger de dentes’. 14Porque muitos são chamados, e poucos são escolhidos”.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

Que nossas dificuldades nos pareçam suaves por amor a Deus


mensagem_1007091O Senhor convida-nos, hoje, a orar sem cessar, em todas as circunstâncias.

Santa Catarina de Gênova dizia: “Para chegar à união com Deus, são necessárias as dificuldades mandadas por Ele. Por meio delas, Ele espera destruir em nós as paixões internas e externas. Por isso, todos os desprezos, as doenças, a pobreza, as tentações, todas as dificuldades, tudo nos são necessários.

Assim teremos de lutar e por meio das vitórias, nossas paixões se enfraquecerão a tal ponto, que não mais as sentiremos. Enquanto as dificuldades, não nos parecerem amargas, mas suaves por amor a Deus, não chegaremos à união com Ele”.

Senhor, nossa esperança, nossa força e nosso consolo, dai-nos força para que sejamos fiéis. Que o nosso coração, durante este dia, não deseje outra coisa, a não ser aquilo que o Senhor deseja.

Jesus, eu confio em Vós!

São Bernardo

20 de Agosto


São BernardoCom muita alegria celebramos a santidade do abade e doutor da Igreja: São Bernardo. Nascido no Castelo de Fontaine em 1904, perto de Dijon (França), pertencia a uma família nobre, a qual se assustou com sua decisão radical de seguir Jesus como monge cisterciense.

São Bernardo é considerado pela Família Cisterciense um segundo fundador, pois atraía a tantos para a Ordem, que as mães e esposas afastavam os filhos e maridos do santo; tamanho era real o poder de atração de Bernardo que todos os irmãos, primos e amigos o seguiram. Homem de oração, destacou-se como pregador, prior, místico, escritor, fundador de mosteiros, abade, conselheiro de Papas, Reis, Bispos e também polemista, político e pacificador.

Aconteceu que São Bernardo, mesmo sendo contemplativo, entrou no concreto da realidade da sua época, a ponto de participar de várias polêmicas internas e externas da Igreja da época.

No ano de 1115, o seu abade Estevão mandou-o com doze companheiros fundar, no Vale do Absíntio, aquilo a que São Bernardo chamou Vale Claro (Claraval). Do Mosteiro de Claraval, o santo irradiava a luz do Cristianismo, isto também pelos escritos, como o Tratado do Amor de Deus e o Comentário ao Cântico dos Cânticos; a invocação é fruto de sua profunda e sólida devoção a Nossa Senhora: "Ó clemente, ó piedosa, ó doce e sempre Virgem Maria". Pela Mãe do Céu, foi acolhido na eternidade em 1153.

Escreveu numerosas obras, milhares de cartas, mais de 300 sermões; interveio em todas as disputas doutrinais, em todas as grandes questões religiosas e seculares da época. Por ordem de tempo, considera-se o último dos Padres da Igreja. Um seu editor, falecido em 1707, Mabillon, escreveu sobre ele: "É o último dos Padres mas iguala os maiores".


São Bernardo, rogai por nós!

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Em quem esperar?


mensagem_080709Aprendamos um segredo com o salmista e nunca mais nos esqueçamos dele: “Só em Deus repousa a minha alma, é d’Ele que me vem o que eu espero” (Sl 61,6).

Às vezes, ficamos magoados com as pessoas, deprimidos, decepcionados, amargurados, desanimados, porque esperamos delas o que só Deus pode nos dar. Por melhor que sejam elas, não têm a capacidade de saciar a sede do nosso coração e da nossa alma, porque:

“Só Jesus de Nazaré é capaz de satisfazer as aspirações mais profundas do coração humano” (João Paulo II).

É engano pensarmos que as pessoas são perfeitas, porque não são. Precisamos fazer o exercício de não esperarmos nada de ninguém, a não ser de Jesus. Será um duro exercício, porque, naturalmente, sempre esperamos por alguma retribuição ou iniciativa por parte daqueles com os quais convivemos.

Peçamos a Jesus a graça de termos um coração dependente unicamente d’Ele em todos os momentos.

Jesus, eu confio em Vós!

Evangelho do dia 19/08/2009

Quarta-Feira, 19 de Agosto de 2009
20ª Semana Comum


— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos esta parábola: 1“O Reino dos Céus é como a história do patrão que saiu de madrugada para contratar trabalhadores para a sua vinha. 2Combinou com os trabalhadores uma moeda de prata por dia, e os mandou para a vinha. 3Às nove horas da manhã, o patrão saiu de novo, viu outros que estavam na praça, desocupados, 4e lhes disse: ‘Ide também vós para a minha vinha! E eu vos pagarei o que for justo’. 5E eles foram. O patrão saiu de novo ao meio-dia e às três horas da tarde, e fez a mesma coisa. 6Saindo outra vez pelas cinco horas da tarde, encontrou outros que estavam na praça, e lhes disse: ‘Por que estais aí o dia inteiro desocupados?’ 7Eles responderam: ‘Porque ninguém nos contratou’. O patrão lhes disse: ‘Ide vós também para a minha vinha’. 8Quando chegou a tarde, o patrão disse ao administrador: ‘Chama os trabalhadores e paga-lhes uma diária a todos, começando pelos últimos até os primeiros!’
9Vieram os que tinham sido contratados às cinco da tarde e cada um recebeu uma moeda de prata. 10Em seguida vieram os que foram contratados primeiro, e pensavam que iam receber mais. Porém, cada um deles também recebeu uma moeda de prata. 11Ao receberem o pagamento, começaram a resmungar contra o patrão: 12‘Estes últimos trabalharam uma hora só, e tu os igualaste a nós, que suportamos o cansaço e o calor o dia inteiro’.
13Então o patrão disse a um deles: ‘Amigo, eu não fui injusto contigo. Não combinamos uma moeda de prata? 14Toma o que é teu e volta para casa! Eu quero dar a este que foi contratado por último o mesmo que dei a ti. 15Por acaso não tenho o direito de fazer o que quero com aquilo que me pertence? Ou estás com inveja, porque estou sendo bom?’ 16aAssim, os últimos serão os primeiros, e os primeiros serão os últimos”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Evangelho do dia 18/08/2009

Terça-Feira, 18 de Agosto de 2009
20ª Semana Comum


— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 23Jesus disse aos discípulos: “Em verdade vos digo, dificilmente um rico entrará no reino dos Céus. 24E digo ainda: é mais fácil um camelo entrar pelo buraco de uma agulha, do que um rico entrar no Reino de Deus”. 25Ouvindo isso, os discípulos ficaram muito espantados, e perguntaram: “Então, quem pode ser salvo?” 26Jesus olhou para eles e disse: “Para os homens isso é impossível, mas para Deus tudo é possível”.
27Pedro tomou a palavra e disse a Jesus: “Vê! Nós deixamos tudo e te seguimos. Que haveremos de receber?” 28Jesus respondeu: “Em verdade vos digo, quando o mundo for renovado e o Filho do Homem se sentar no trono de sua glória, também vós, que me seguistes, havereis de sentar-vos em doze tronos para julgar as doze tribos de Israel. 29E todo aquele que tiver deixado casas, irmãos, irmãs, pai, mãe, filhos, campos, por causa do meu nome, receberá cem vezes mais e terá como herança a vida eterna. 30Muitos que agora são os primeiros, serão os últimos. E muitos que agora são os últimos, serão os primeiros.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

O Espírito Santo nos sustenta em nossa fraqueza


mensagem_070709Hoje não pode ser apenas mais um dia em nossas vidas. O Senhor pede que não tenhamos medo. Tudo depende de abrirmos o coração e deixá-Lo entrar para transformar todas as realidades de nossas vidas e iluminar as nossas trevas; sozinhos não somos capazes de mudá-las. O medo não pode ter a última palavra na nossa vida! Deixemos a voz do Senhor ressoar nos nossos ouvidos: “Não tenham medo!”. Essa ordem do Senhor, quando obedecida, imprime em nosso interior grande firmeza face às adversidades surgidas ao longo do dia, determinando um novo ritmo de vida para nós.

Somente cheios do Espírito Santo é que seremos capazes de vencer o medo, de realizar boas ações e de fazer bem todas as coisas. Por nós mesmos não conseguimos alcançar nada disso, por mais que queiramos.

Clamemos pela vinda do Divino Amigo ao longo de todo o nosso dia, a fim de que Ele venha em nosso auxílio e nos sustente em nossa fraqueza.

Peçamos, em oração, ao Paráclito que conduza as nossas ações, os nossos sentimentos, as nossas atitudes, para que façamos todas as coisas de acordo com a vontade de Deus.

Jesus, eu confio em Vós!

Por que pensamos e falamos mal do próximo?


mensagem_130709Com certeza isso ocorre porque há algo de enfermo em nosso interior. Por isso, é preciso refletir –iluminados pela luz do Espírito Santo – sobre quais são as causas que nos movem a pensar e a falar mal dos outros.

Seguramente o orgulho é a principal razão. A pessoa humilde reconhece os seus erros e a orgulhosa tem necessidade de justificá-los desculpando-se, sobretudo, convencendo-se de que os outros agem como ela e provavelmente fazem bem pior. Dessa forma, ao agir assim, nós focalizamos as pessoas com as lentes deformadas dos nossos próprios defeitos. Se nós somos interesseiros, temos dificuldade em aceitar que o desinteresse dos outros seja autêntico; se somos falsos, temos dificuldade em acreditar na sinceridade do próximo; e assim por diante.

Quando somos verdadeiros com nós mesmos e temos a coragem de colocar toda a nossa vida e misérias sob a luz de Cristo, as nossas reações passam a ser refletidas, misericordiosas e nobres, pois adquirimos forças para combater as nossas más inclinações. Esse exercício cotidiano nos torna mais compreensivos com as pessoas e a nossa tendência a julgar, a condenar e a criticar nosso próximo, pouco a pouco, vai diminuindo.

Peçamos ao Espírito Santo que venha em socorro das nossas fraquezas, para que possamos ser cada vez mais imagem e semelhança de Deus.

Jesus, eu confio em Vós!

Santa Helena

18 de Agosto



Santa HelenaLembramos neste dia a santa que depois da conversão se dedicou na ajuda ao Cristianismo no tempo da liberdade religiosa acontecida durante o Império Romano. Nascida no ano de 255 em Bitínia, de família plebéia, no tempo da juventude trabalhava numa pensão, até conhecer e casar-se com o oficial do exército romano, chamado Constâncio Cloro.

Fruto do casamento de Helena foi Constantino, o futuro Imperador, o qual tornou-se seu consolo quando Constâncio Cloro deixou-a para casar-se com a princesa Teodora e governar o Império Romano. Diante do falecimento do esposo, o filho que avançava na carreira militar substituiu o pai na função imperial, e devido a vitória alcançada nas portas de Roma, tornou-se Imperador.

Aconteceu que Helena converteu-se ao Cristianismo, ou ainda tenha sido convertida pelo filho que decidiu seguir Jesus e proclamar em 313 o Edito de Milão, o qual deu liberdade à religião cristã, isto depois de vencer uma terrível batalha a partir de uma visão da Cruz. Certeza é que no Império Romano a fervorosa e religiosa Santa Helena foi quem encontrou a Cruz de Jesus e ajudou a Igreja de Cristo, a qual saindo das catacumbas pôde evangelizar e com o auxílio de Santa Helena construir basílicas nos lugares santos.

Faleceu em 327 ou 328 em Nicomédia, pouco depois de sua visita à Terra Santa. Os seus restos foram transportados para Roma, onde se vê ainda agora, no Vaticano, o sarcófago de pórfiro que os inclui.


Santa Helena...rogai por nós!

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Abra-se à vida nova


mensagem_060709O Evangelho nos leva a uma reflexão: somos sempre conduzidos por Deus, guiados pelo infinito amor d’Ele por nós, reconduzidos ao seio da família quando nos desinstalamos de nossa própria terra, do nosso povo, da nossa família, para juntamente, com um novo povo, seguirmos a vontade do Senhor a nosso respeito, formando, dessa forma, uma nova aliança de amor.

Isso serve para todos – para os casais, para os filhos, para os religiosos e religiosas, futuros sacerdotes, leigos consagrados… Assumir a filiação espiritual é condição essencial para vivermos a nossa vocação e seguirmos a voz do Pai, que se manifesta no próximo, constituído por Ele na nossa caminhada espiritual. Isso nos dá a graça de dizermos: ”Abba Pai, papaizinho” e de sermos saciados de nossas carências mais profundas de afeto, amparados nos clamores mais íntimos de nossa alma.

Jesus viveu longos anos ao lado da Mãe antes da vida pública, dependendo dela para aprender tudo, juntamente com seu pai José. E hoje o Senhor nos chama para nos abrirmos à vida nova, que representa, para nós, muito mais que apenas servir e obedecer às leis e preceitos dados por Ele para a nossa salvação, mas que significa nos encontrarmos envolvidos no abraço misericordioso do Pai, que nos acolhe como filhos. Os mandamentos nos foram concedidos pelo Senhor para vivermos na liberdade de filhos amados que somos, curados das nossas chagas de pecado para vivermos plenamente o amor.

Você pai, mãe, filho ou filha, abra-se à vida nova, a começar desse abraço misericordioso do Altíssimo, que restaura em nós a imagem de filhos amados feitos para o amor e para a plena felicidade.

Jesus, eu confio em Vós!

São Jacinto

17 de Agosto



São JacintoO santo de hoje nasceu no ano de 1183 em Cracóvia (Polônia) e chamava-se Jacó. Com o apoio da família, ingressou para a vida religiosa tendo conhecido São Domingos de Gusmão em Roma no ano de 1221. Desta forma, passou a fazer parte da Família Dominicana. Os Dominicanos, por sua vez, deram-lhe o nome de Frei Jacinto.

Documentos seguros indicam-nos que era pregador em Cracóvia, em 1228, no convento da Santíssima Trindade, e que pregava a cruzada contra os Prussianos em 1238. Morreu a 15 de Agosto de 1257.

Era parente do Bispo de Cracóvia e durante a sua vida foram fundados os conventos de Breslau, Sandomir e Dantziga. Em 1228, a partir do capítulo geral dominicano de Paris, Jacinto juntamente com outros dominicanos foram transferidos para Rússia, onde sua evangelização atingiu também os Balcãs, a Prússia e a Lituânia. Substituíram os Cistercienses, menos bem preparados. Mas os Tártaros, em 1241 e 42, destruíram numerosos conventos e fizeram muitos mártires.

Depois da passagem deles, a obra apostólica foi retomada e Jacinto retornou à Cracóvia. Jacinto é considerado o apóstolo da Polônia. Desde 1260, três anos após sua morte, o seu túmulo atraía peregrinos. O culto dele abrangeu toda a Polônia. Foi canonizado pelo Papa Clemente VIII, em 1954.


São Jacinto, rogai por nós!

Evangelho do dia 17/08/2009

Segunda-Feira, 17 de Agosto de 2009
20ª Semana Comum


— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 16alguém aproximou-se de Jesus e disse: “Mestre, que devo fazer de bom para possuir a vida eterna?” 17Jesus respondeu: “Por que me perguntas sobre o que é bom? Um só é o Bom. Se queres entrar na vida, observa os mandamentos”. 18O homem perguntou: “Quais mandamentos?” Jesus respondeu: “Não matarás, não cometerás adultério, não roubarás, não levantarás falso testemunho, 19honra teu pai e tua mãe, e ama o teu próximo como a ti mesmo”.
20O jovem disse a Jesus: “Tenho observado todas essas coisas. Que ainda me falta?” 21Jesus respondeu: “Se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens, dá o dinheiro aos pobres e terás um tesouro no céu. Depois, vem e segue-me”. 22Quando ouviu isso, o jovem foi embora cheio de tristeza, porque era muito rico.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Quando Deus nos fala

Fonte: Luzia Santiago

Quando Deus nos fala, logo nos tornamos pessoas sábias; nossa vida sai do comum e ganha um novo brilho e um novo entusiasmo.

Nós ouvimos tantas vozes, tantas informações, tantas notícias, que muitas vezes nosso coração se agita, ficamos cansados e perdidos a ponto de não mais reconhecermos a presença de Jesus. Ao passo que quando fazemos a experiência de silenciar para escutar a voz de Deus, a alegria toma conta do nosso coração, enchendo-nos de esperança, de alegria e de um novo ânimo.

Peçamos hoje ao Senhor insistentemente que Ele fale ao nosso coração de maneira clara, mostrando-nos o caminho que devemos seguir.

“Dai-me o saber, e cumprirei a vossa lei, e de todo coração a guardarei” (Salmo 118, 145).

Rezemos: ‘Fala-me, meu Deus, eu quero escutar a Tua voz; a minha vida transformou-se num deserto e eu preciso escutar a Tua voz, Senhor. Fala, Senhor, o que queres que eu faça’.

Jesus, eu confio em Vós!

Evangelho do dia 13/08/2009

Evangelho (Mateus 18,21–19,1)
Quinta-Feira, 13 de Agosto de 2009
Santíssima Eucaristia – 3B


— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 18,21Pedro aproximou-se de Jesus e perguntou: “Senhor, quantas vezes devo perdoar, se meu irmão pecar contra mim? Até sete vezes?” 22Jesus respondeu: “Não te digo até sete vezes, mas até setenta vezes sete. 23Porque o Reino dos Céus é como um rei que resolveu acertar as contas com seus empregados. 24Quando começou o acerto, trouxeram-lhe um que lhe devia uma enorme fortuna.
25Como o empregado não tivesse com que pagar, o patrão mandou que fosse vendido como escravo, junto com a mulher e os filhos e tudo o que possuía, para que pagasse a dívida. 26O empregado, porém, caiu aos pés do patrão, e, prostrado, suplicava: ‘Dá-me um prazo! e eu te pagarei tudo’. 27Diante disso, o patrão teve compaixão, soltou o empregado e perdoou-lhe a dívida. 28Ao sair dali, aquele empregado encontrou um dos seus companheiros que lhe devia apenas cem moedas. Ele o agarrou e começou a sufocá-lo, dizendo: ‘Paga o que me deves’.
29O companheiro, caindo aos seus pés, suplicava: ‘Dá-me um prazo! e eu te pagarei’. 30Mas o empregado não quis saber disso. Saiu e mandou jogá-lo na prisão, até que pagasse o que devia. 31Vendo o que havia acontecido, os outros empregados ficaram muitos tristes, procuraram o patrão e lhe contaram tudo. 32Então o patrão mandou chamá-lo e lhe disse: ‘Empregado perverso, eu te perdoei toda a tua dívida, porque tu me suplicaste. 33Não devias, tu também, ter compaixão do teu companheiro, como eu tive compaixão de ti?’
34O patrão indignou-se e mandou entregar aquele empregado aos torturadores, até que pagasse toda a sua dívida. 35É assim que o meu Pai que está nos céus fará convosco, se cada um não perdoar de coração ao seu irmão”. 19,1Ao terminar estes discursos, Jesus deixou a Galileia e veio para o território da Judeia além do Jordão.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

Santos Ponciano e Hipólito

13 de Agosto


Os santos de hoje, viveram caminhos que se chocaram durante a vida, no entanto, Ponciano e Hipólito se reconciliaram quando enfrentaram o exílio. Ponciano foi zeloso Papa da Igreja de Cristo, eleito em 230, enquanto Hipólito, um fecundo escritor e orador.

Aconteceu que, naquele tempo, rompeu um cisma na Igreja, onde Hipólito defendia um tal rigorismo que os adúlteros, fornicadores e apóstatas não mereceriam perdão, mesmo diante de arrependimento. Ponciano, o Papa da Misericórdia, não concordava com este duro princípio e nem outras reflexíveis cheias de boa fé, porém que não revelavam o coração do Pai, o qual escolheu a Igreja como instrumento deste amor que perdoa e salva.

Ponciano, que confirmava a fé nos cristãos, diante do clima de perseguição criado pelo imperador Maximiano, foi denunciado e, por isso, preferiu prudentemente renunciar ao serviço de Papa, visando o bem da Igreja e acolheu o exílio. Na ilha da Sardenha encontrou exilado também o sacerdote Hipólito e, em meio aos trabalhos forçados, se reconciliaram, sendo que Hipólito renunciou aos seus erros, antes de colherem em 235 o "passaporte" do Céu, ou seja o martírio.


Santos Ponciano e Hipólito, rogai por nós!

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Liberte-se de suas lepras

Fonte: Luzia Santiago

Nem sempre, nós somos capazes de perceber e controlar todos os pensamentos e sentimentos que se passam no nosso interior ao longo do dia. Muitas vezes, nós nos sentimos traídos, abandonados, magoados, tristes e não sabemos como mudar essa situação.

Precisamos ficar atentos a esses movimentos interiores: como eles surgem e o que provocam em nós. Um remédio edificante para estarmos atentos ao que se passa dentro de nós é pedir ao Espírito Santo que traga à luz tudo o que está camuflado no nosso interior impedindo-nos de ser livres e felizes. Uma vez conscientes de tudo o que está nos afligindo, peçamos ao Senhor que nos cure e nos liberte; com certeza, a nossa vida tomará um novo rumo.

Aproximemo-nos de Nosso Senhor Jesus Cristo com fé, para que Ele nos purifique de todos os nossos pecados e “lepras” de forma a vivermos a verdadeira dignidade de filhos de Deus, como aconteceu com o leproso. Assumamos a Cristo como único Senhor da nossa vida. Hoje, o Senhor nos convida para nos reconciliarmos com Ele e como nossos irmãos por intermédio da confissão e do perdão. Busquemos um sacerdote e confessemos todos os nossos pecados.

”Jesus estava numa cidade, e havia aí um homem leproso. Vendo Jesus, o homem caiu a seus pés, e pediu: Senhor, se queres, tu tens o poder de me purificar. Jesus estendeu a mão, tocou nele, e disse: Eu quero, fica purificado. E imediatamente, a lepra o deixou” (Lucas 5, 12-13).

Jesus, eu confio em Vós!

São João Berchmans

12 de Agosto



 São João Berchmans Hoje, lembramos o jovem que viveu, durante apenas vinte e dois anos, numa total entrega e amor ao Cristo. São João Berchmans nasceu na Bélgica, em 1599, de família pobre, porém, rica na vida e nas virtudes cristãs.

Tocado pelo testemunho de paciência heróica da mãe diante da fatal enfermidade e, motivado pelo pai viúvo, o qual abraçou o Sacerdócio Católico, ele começou a estudar em um Colégio dos Jesuítas até entrar na Companhia. Ao ser encaminhado para os estudos de Filosofia e Teologia de Malines para Roma, João mostrou com a vida seu amor a Mãe de Deus lutando contra o pecado: "Antes, mil vezes morrer, do que cometer o mais leve pecado ou transgredir uma regra da Ordem".

São João Berchmans que fez de sua vida comum sua maior penitência, pegou uma grave enfermidade a qual aceitou com alegria; por isso deitou-se no chão, em sinal de humildade e recebeu os últimos Sacramentos. Testemunha-se que - com o crucifixo, o livro da Regra e o terço apertados sobre o peito - disse: "São estes os meus três tesouros, em cuja companhia quero morrer", desta maneira é que despedido de todos, foi para a Eternidade repetindo: "Jesus! Maria!".


São João Berchmans, rogai por nós!

Evangelho do dia 12/08/2009

Evangelho (Mateus 18,15-20)
Quarta-Feira, 12 de Agosto de 2009
19ª Semana Comum


— O Senhor esteja convosco!
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 15“Se teu irmão pecar contra ti, vai corrigi-lo, mas em particular, à sós contigo! Se ele te ouvir, tu ganhaste o teu irmão. 16Se ele não te ouvir, toma contigo mais uma ou duas pessoas, para que toda a questão seja decidida sob a palavra de duas ou três testemunhas. 17Se ele não vos der ouvido, dize-o à Igreja. Se nem mesmo à Igreja ele ouvir, seja tratado como se fosse um pagão ou um pecador público.
18Em verdade vos digo, tudo o que ligardes na terra será ligado no céu, e tudo o que des­ligardes na terra será desligado no céu. 19De novo, eu vos digo: se dois de vós estiverem de acordo na terra sobre qualquer coisa que quiserem pedir, isto vos será concedido por meu Pai que está nos céus. 20Pois onde dois ou três estiverem reunidos em meu nome eu estou ali, no meio deles”.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Sua fé o tem levado à mudança de vida?

Fonte: Luzia Santiago

Para o cristão, a fé não é simplesmente aderir às fórmulas de um credo, mas ela deve abraçar a própria vida de forma a transformá-la.

Uma fé que não incide na vida – segundo as perspectivas de Deus – é inútil, porque não leva à salvação. O verdadeiro Cristianismo baseia-se numa fé operante, que brota do amor para com Deus e para com o próximo.

Na nossa vida é preciso que unamos a fé às obras, na qual tudo dependa de nós, do nosso agir e, ao mesmo tempo, de Deus e da Sua graça.

Tomemos consciência de que a unidade entre o crer e o agir, como o corpo e a alma no homem, é o único sinal de transformação no mundo.

“Estais vendo, pois, que o homem é justificado pelas obras e não simplesmente pela fé. Assim como o corpo sem o espírito é morto, assim também a fé sem as obras é morta” (Tiago 2,24.26).

Senhor, dá-nos a graça de sermos autênticos na vivência da nossa fé.

Jesus,eu confio em Vós!

Santa Clara

11 de Agosto



Santa Clara "Clara de nome, mais clara de vida e claríssima de virtudes!" Neste dia, celebramos a memória da jovem inteligente e bela que se tornou a 'dama pobre'. Santa Clara nasceu em Assis (Itália), no ano de 1193, e o interessante é que seu nome vem de uma inspiração dada a sua fervorosa mãe, a qual [inspiração] lhe revelou que a filha haveria de iluminar o mundo com sua santidade.

Pertencente a uma nobre família, destacou-se desde cedo pela sua caridade e respeito para com os pequenos, por isso, ao deparar com a pobreza evangélica vivida por Francisco de Assis apaixonou-se por esse estilo de vida. Em 1212, quando tinha apenas dezoito anos, a jovem abandonou o seu lar para seguir Jesus mais radicalmente. Para isso foi ao encontro de Francisco de Assis na Porciúncula e teve seus lindos cabelos cortados como sinal de entrega total ao Cristo pobre, casto e obediente.

Ao se dirigir para a igreja de São Damião, Clara – juntamente com outras moças – deu início à Ordem, contemplativa e feminina, da Família Franciscana (Clarissas), da qual se tornou mãe e modelo, principalmente no longo tempo de enfermidade, período em que permaneceu em paz e totalmente resignada à vontade divina. Nada podendo contra sua fé na Eucaristia, pôde ainda se levantar para expulsar – com o Santíssimo Sacramento – os mouros (homens violentos que desejavam invadir o Convento em Assis) e assistir, um ano antes de sua morte em 1253, a Celebração da Eucaristia, sem precisar sair de seu leito. Por essa razão é que a santa de hoje é aclamada como a "Patrona da Televisão".


Santa Clara, rogai por nós!

Evangelho do dia 11/08/2009

Evangelho (Mateus 18,1-5.10.12-14)
Terça-Feira, 11 de Agosto de 2009
Santa Clara

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 1os discípulos aproximaram-se de Jesus e perguntaram: “Quem é o maior no Reino dos Céus?” 2Jesus chamou uma criança, colocou-a no meio deles 3e disse: “Em verdade vos digo, se não vos con­ver­terdes, e não vos tornardes como crianças, não entrareis no Reino dos Céus. 4Quem se faz pequeno como esta criança, este é o maior no Reino dos Céus. 5E quem recebe em meu nome uma criança como esta é a mim que recebe.
10Não desprezeis nenhum desses pequeninos, pois eu vos digo que os seus anjos nos céus veem sem cessar a face do meu Pai que está nos céus. 12Que vos parece? Se um homem tem cem ovelhas, e uma delas se perde, não deixa ele as noventa e nove nas montanhas, para procurar aquela que se perdeu? 13Em verdade vos digo, se ele a encontrar, ficará mais feliz com ela, do que com as noventa e nove que não se perderam. 14Do mesmo modo, o Pai que está nos céus não deseja que se perca nenhum desses pequeninos”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Pai

Enviado por Lucyana Moura
Pode ser novo, pode ser velho;

Pode ser branco, negro ou amarelo;

Pode ser rico ou pobre;

Pode ser solteiro, casado, viúvo ou divorciado;

Pode ser feliz ou infeliz;

Pode estar aqui ou já ter ido embora;

Pode ter tido filhos ou adotado-os;

Pode ter casa ou morar na rua;

Pode usar terno ou tanga;

Pode ser Deus ou humano;

Pode estar trabalhando ou desempregado;

Pode ser tanta coisa ou simplesmente PAI.



Mas todos, sem faltar um

sequer fazem parte da Criação.

Que não só hoje,

mas em todos os dias desta vida

possas ser lembrado como aquele que:

muitas vezes não dormiu,

muitas vezes ficou pensando

na comida para levar para casa,

muitas vezes engoliu sapos,

muitas vezes chorou escondido,

muitas vezes gargalhou,

muitas vezes perdeu a hora,

mas nunca deixou de pensar

na coisa mais importante da sua vida:

NÓS!!


Feliz Dia Dos Pais !!!!!!!

O Amigo de todas as horas

Fonte: Luzia Santiago
Todos nós temos necessidade de ter alguém que se comprometa conosco e que abrace a nossa causa, defendendo-nos, ajudando-nos e cuidando de nós. Temos necessidade de ser amados e acolhidos, principalmente nos momentos de dificuldade.

Precisamos tomar consciência de que não estamos sozinhos, porque o próprio Senhor nos prometeu que estará conosco todos os dias da nossa vida. Por isso, nos enviou Seu Espírito Santo!

É a Cristo que devemos recorrer sempre, porque Ele sempre nos chama e nos consola: “Vinde a mim vós todos que estais aflitos sob o fardo, e eu vos aliviarei. Tomai meu jugo sobre vós e recebei minha doutrina, porque eu sou manso e humilde de coração e achareis o repouso para as vossas almas. Porque meu jugo é suave e meu peso é leve” (Mateus 11, 28-30).

Descansemos em Jesus e deixemo-nos cuidar por Ele. Façamos um ato de entrega de todas as nossas preocupações e inquietações a Ele, porque o Senhor sabe como fazer e como resolver todas as situações.

Com confiança, aproximemo-nos de Nosso Senhor Jesus Cristo e oremos incessantemente ao longo deste dia:

Jesus, eu confio em Vós!

São Lourenço

10 de Agosto

São Lourenço Nós festejamos neste dia, a vida de santidade e martírio do Diácono que nem chicotes, algozes, chamas, tormentos e correntes puderam contra sua fé e amor ao Cristo. Lourenço foi um Diácono de bom humor que servia a Deus na Igreja de Roma.

Conta-nos a história que São Lourenço como primeiro dos Diáconos tinha grande amizade com o Papa Sisto II, tanto assim que ao vê-lo indo para o martírio falou: "Ó pai, aonde vais sem o teu filho? Tu que jamais ofereceste o sacrifício sem a assistência do teu Diácono, vais agora sozinho, para o martírio?". E o Papa respondeu: "Mais uns dias e te aguarda uma coroa mais bonita!". São Lourenço era também responsável pela administração dos bens da Igreja que sustentava muitos necessitados.

Diante da perseguição do Imperador Valeriano, o prefeito local exigiu de Lourenço os tesouros da Igreja, para isto o Santo Diácono pediu um prazo, o qual foi o suficiente para reunir no átrio os órfãos, os cegos, os coxos, as viúvas, os velhos... todos os que a Igreja socorria, e no fim do prazo - com bom humor - disse: "Eis aqui os nossos tesouros, que nunca diminuem, e podem ser encontrados em toda parte".

Sentindo-se iludido, o prefeito sujeitou o santo a diversos tormentos, até colocá-lo sobre um braseiro ardente; São Lourenço que sofreu o martírio em 258, não parava de interceder por todos, e mesmo assim encontrou - no Espírito Santo - força para dizer no auge do sofrimento na grelha: "Vira-me que já estou bem assado deste lado".


São Lourenço, rogai por nós!

Evangelho do dia 10/08/2009

Evangelho (João 12,24-26)
Segunda-Feira, 10 de Agosto de 2009
São Lourenço


— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo disse Jesus a seus discípulos: 24“Em verdade, em verdade vos digo: Se o grão de trigo que cai na terra não morre, ele continua só um grão de trigo; mas se morre, então produz muito fruto.
25Quem se apega à sua vida, perde-a; mas quem faz pouca conta de sua vida neste mundo conservá-la-á para a vida eterna. 26Se alguém me quer servir, siga-me, e onde eu estou estará também o meu servo. Se alguém me serve, meu Pai o honrará”.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.

domingo, 9 de agosto de 2009

Respondamos com vivacidade aos desafios sem nos deixar abater

Fonte: Luzia Santiago
Temos plena certeza de que a cada manhã que desperta o amor do Senhor renova-se por cada um de nós. E esse amor nos dá força e disposição para respondermos com vivacidade, fé e coragem aos desafios propostos pela vida, sem nos deixar abater.

Em nenhum momento estamos sozinhos, porque o Senhor está sempre conosco e à nossa disposição. Da nossa parte é preciso recorrermos a Ele, mesmo quando aos nossos olhos tudo parecer insolúvel. É justamente nesses momentos que precisamos orar crendo e crer orando, porque o Senhor está atento à voz das nossas súplicas.

“O Senhor é indulgente, é favorável, é paciente, é bondoso e compassivo” (Salmo 102).

Jesus, eu confio em Vós!

Santa Teresa Benedita da Cruz (Edith Stein)

9 de Agosto

Santa Teresa Benedita da Cruz (Edith Stein) A santa de hoje também é conhecida pelo nome de Santa Edith Stein. Juntamente com Santa Brígida e Santa Catarina de Sena é uma das "Patronas da Europa". Beatificada a 1 de Maio de 1987, acabou sendo canonizada 11 anos depois, a 11 de Outubro de 1998, pelo Papa João Paulo II.
Última de 11 irmãos, nasceu em Breslau (Alemanha), a 12 de Outubro de 1891, no dia em que a família festejava o "Dia da Expiação", a grande festa judaica. Por esta razão, a mãe teve sempre uma predileção por esta filha.
O pai, comerciante de madeiras, morreu quando Edith ainda não tinha completado os 2 anos. A mãe, mulher muito religiosa, solícita e voluntariosa, teve que assumir todo o cuidado da família, mas não conseguiu manter nos filhos uma fé viva. Stein perdeu a fé: "Com plena consciência e por livre eleição", ela afirma mais tarde.
Edith dedica-se então a uma vida de estudos na Universidade de Breslau tendo como meta a Filosofia.
Os anos de estudos passam até que, no ano de 1921, Edith visita um casal convertido ao Evangelho. Na biblioteca deste casal ela encontra a autobiografia de Santa Teresa de Ávila. Edith lê o livro durante toda a noite. "Quando fechei o livro, disse para mim própria: é esta a verdade", declarou ela mais tarde.
Em Janeiro de 1922, Stein é batizada e no dia 02 de Fevereiro desse mesmo ano é crismada pelo Bispo de Espira. Em 1932 é-lhe atribuída uma cátedra numa instituição católica, onde desenvolve a sua própria antropologia, encontrando a maneira de unir ciência e fé. Em 1933 a noite fecha-se sobre a Alemanha. Edith Stein tem que deixar a docência e ela própria declarou nesta altura: "Tinha-me tornado uma estrangeira no mundo". E no dia 14 de Outubro desse mesmo ano, entra para o Mosteiro das Carmelitas de Colônia, passando a chamar-se Teresa Benedita da Cruz. Após cinco anos, faz a sua profissão perpétua.
Da Alemanha, Edith é transferida para a Holanda juntamente com sua irmã Rosa, que também é batizada na Igreja Católica e prestava serviço no convento. Neste período do regime nazista, os Bispos católicos dos Países Baixos fazem um comunicado contra as deportações dos judeus. Em represália a este comunicado, a Gestapo invade o convento na Holanda e prendem Edith e sua irmã. Ambas são levadas para o campo de concentração de Westerbork.
No dia 07 de Agosto, ela parte para Auschwitz, ao lado de sua irmã e um grupo de 985 judeus. Por fim, no dia 09 de Agosto, a Irmã Teresa Benedita da Cruz, juntamente com a sua irmã Rosa, morre nas câmaras de gás e depois tem seu corpo queimado.
Assim, através do martírio, Santa Teresa Benedita da Cruz, recebe a coroa da glória eterna no Céu..


Santa Teresa Benedita da Cruz, rogai por nós!